Brasileiros ganham 3 medalhas em Olimpíada Internacional de Biologia

A equipe brasileira que participou da 24ª edição da Olimpíada Internacional de Biologia (IBO, na sigla em inglês) voltou para casa com três medalhas.
O estudante Mateus Lavor Lira, do Ceará, ganhou medalha de prata; Tayná Milfont Sá, também do Ceará, e Eric Yoshido, de São Paulo, receberam bronze no evento, que reuniu 242 participantes na cidade de Berna, na Suíça.
Antes de viajar para a competição, os estudantes se prepararam com a ajuda de universidades e colégios. Eles tiveram aulas teóricas e práticas de bioquímica, biotecnologia, microscopia, ecologia, genética, histologia vegetal e dissecção de vertebrados e invertebrados.
Os alunos interessados em participar da próxima etapa internacional e ibero-americana das olimpíadas devem se inscrever primeiro na etapa brasileira. A OBB é organizada pela Associação Nacional de Biossegurança (ANBio) e tem o apoio do Ministério da Educação (MEC), do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (Faperj) e de parceiros sócios da ANBio.
Podem participar jovens de no máximo 19 anos completos até o dia 1º de julho do ano corrente, com o ensino médio em andamento ou completo, e que ainda não estejam matriculados em uma instituição de ensino superior.
No próximo ano, a edição da IBO ocorrerá em Bali, na Indonésia. 
Para mais informações, clique aqui
Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Pesquisar

Últimos posts

Arquivo de postagens

Siga o CRBio-04

Rolar para cima