Bombeiros: incêndio consome 80% de parque ambiental de MG

Um incêndio que começou na última sexta-feira praticamente acabou com uma das mais importantes reservas ambientais de Minas Gerais e do País, localizada na região metropolitana de Belo Horizonte. Segundo o Corpo de Bombeiros, cerca de 80% da área do parque Estadual do Rola Moça foi destruída pelo fogo, uma área correspondente a 3.153 campos de futebol.
De acordo com Marcus Vinicius de Freitas, biólogo e gerente do Rola Moça, o parque é o terceiro maior em área urbana do Brasil e abriga importantes mananciais de água que abastecem 40% da população da capital mineira, além de várias espécies de animais ameaçadas de extinção, como a onça-parda, o lobo-guará e o veado-campeiro. “O prejuízo do incêndio é incalculável”, disse Freitas.
Na véspera de completar 17 anos de criação, esse já é considerado o maior incêndio da história da reserva. “No parque nós temos muitas espécies endêmicas, raras, que só existem aqui. Com esse incêndio, corre o risco de muitas delas serem extintas antes mesmo de serem descritas pela ciência”, afirmou.
Freitas acredita que o incêndio tenha sido criminoso. “Ele começou na BR-040. Direta ou indiretamente alguém começou esse incêndio de enormes prejuízos.” De acordo com os bombeiros, 34 militares estão na região desde as 5h desta segunda-feira para continuar o combate ao incêndio, que também já conta com a ajuda de brigadistas do local.
Durante o final de semana o combate contou com o auxílio de três aviões Air Tractor do Instituto Estadual de Florestas, além de helicópteros do Corpo de Bombeiros e pelo menos 100 brigadistas, bombeiros e voluntários.
Fonte: Portal Terra
Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Pesquisar

Últimos posts

Arquivo de postagens

Siga o CRBio-04

Rolar para cima