Primeira ave é apenas dino com penas, afirma pesquisa chinesa

Querem derrubar o célebre fóssil Archaeopteryx do poleiro que ele ocupa lá se vão 150 anos.
Pesquisadores chineses defendem que o bicho não é o “pai” das aves, como se acredita, mas apenas uma espécie de dinossauro penoso.
O líder do grupo que defende a ideia na edição desta quinta-feira da revista científica “Nature” é Xing Xu, provavelmente o maior especialista em dinos emplumados do planeta.
Paleontólogo da Academia Chinesa de Ciências, Xu já descreveu dezenas de fósseis espetaculares, cujas penas estão preservadas graças a condições geológicas muito especiais.
Na “Nature”, ele e seus colegas apresentam mais um desses bichos, o pequeno Xiaotingia zhengi, de 155 milhões de anos e peso estimado de apenas 800 g.
A questão é que a criatura possui um conjunto de características morfológicas (como as patas da frente, ou “asas”, longas e robustas) muito parecidas com as do suposto pai das aves.
Tem também a mesma idade do Archaeopteryx–ambos são bichos do fim do período Jurássico.
Quando Xu e seus colegas usaram um programa de computador para saber onde o novo animal se posiciona na árvore genealógica de dinossauros e aves –método comum nessa área de pesquisa–, eles viram que não só o bicho foi considerado dinossauro como também sua presença “puxou” o Archaeopteryx para o lado dos dinos.
Isso significa que o Archaeopteryx pertenceria ao grupo mais geral de dinossauros emplumados, que inclui o famoso Velociraptor, e não ao conjunto em que estão as aves “verdadeiras”.
Fonte: Folha Online
Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Pesquisar

Últimos posts

Arquivo de postagens

Siga o CRBio-04

Rolar para cima