NPE e JAXA assinam carta de intenções para utilização do satélite ALOS

Em Tóquio, nesta segunda-feira (8/11), o diretor do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), Gilberto Câmara, e Keiji Tachikawa, presidente da JAXA, a agência aeroespacial do Japão, assinaram carta de intenções para a utilização dos dados do satélite japonês ALOS, que leva a bordo o radar PALSAR, no monitoramento para REDD – Redução de Emissões por Desmatamento e Degradação em Países em Desenvolvimento.
A parceria deve agregar a tecnologia japonesa – o radar que permite a observação através das nuvens – à experiência brasileira no monitoramento de florestas tropicais, que está sendo levada a outros países por meio dos cursos de capacitação técnica oferecidos pelo INPE.

O Instituto já vem utilizando os dados PALSAR em estudos na Amazônia e deve incorporar a tecnologia a seus sistemas regulares de monitoramento da região.
Além do encontro com o presidente da JAXA, o diretor do INPE cumpre em Tóquio compromissos com representantes do Ministério das Relações Exteriores do Japão para debater assuntos como mudanças climáticas e políticas espaciais.
Fonte: Inpe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Pesquisar

Últimos posts

Arquivo de postagens

Siga o CRBio-04

Rolar para cima