Fórum Florestal Mineiro manifesta preocupação com alterações no Código Florestal

Na sexta-feira, 23 de julho, o Fórum Florestal Mineiro, formado por empresas do setor florestal e ONGs ambientalistas, manifestou, em ofício enviado ao Presidente da República, Luis Inácio Lula da Silva, sua preocupação com as alterações previstas para o Código Florestal Brasileiro.

Conforme expresso no ofício, o Fórum entende a necessidade de reforma do Código Florestal (Lei 4.771/65), mas ressalta que são necessárias modificações que promovam conciliação entre proteção do meio ambiente natural e desenvolvimento de atividades econômicas necessárias ao bem estar humano. O Fórum acredita que as atuais alterações propostas afetam gravemente um patrimônio coletivo, logo, para que haja qualquer mudança, deve existir um amplo e profundo debate com toda a sociedade. Para finalizar o ofício, o Fórum ainda ressalta que “áreas já desmatadas e antropizadas devem ser preferencialmente utilizadas para manter eexpandir atividades agrárias”.

O objetivo do Fórum Florestal Mineiro é construir uma visão comum entre empresas do setor florestal e ONGs ambientalistas que leve a ações economicamente viáveis e aumente a escala dos esforços e os resultados para a conservação do meio ambiente como um todo. A busca de reconhecimento público da importância social/econômica dos plantios de florestas renováveis é também parte desse objetivo.

Fonte: AMDA

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Pesquisar

Últimos posts

Arquivo de postagens

Siga o CRBio-04

Rolar para cima