BH ganha aquário de água doce

O maior aquário de água doce do Brasil começou a funcionar este mês em Belo Horizonte, Minas Gerais. Inaugurado pela prefeitura, através da Fundação Zoo-Botânica de Belo Horizonte, ele possui cerca de 3 mil metros quadrados e é também o primeiro a ser temático. Ou seja, retrata a vida aquática na Bacia do São Francisco.

O aquário (obra que custou R$ 5,5 milhões), está localizado no Jardim Zoológico da capital mineira (Avenida Otacílio Negrão Lima, 8.000, no bairro da Pampulha).

Ao visitar a unidade as pessoas terão a oportunidade de conhecer não só 50 espécies de peixes (como surubins, dourados, curimatãs, matrinxãs e outros, num total de 1.200 indivíduos), sua criação e manutenção em cativeiro, como também o “Velho Chico” (descoberto por Américo Vespúcio em 1501) e a cultura da população ribeirinha.

Entenda-se por isso as carrancas, redes de pesca, âncora, canoas, peças de cerâmica, esculturas, uma réplica, em tamanho reduzido, do barco a vapor Benjamim Guimarães, entre outras atrações.

São 22 tanques em dois pavimentos, com 1 milhão de litros de água. Além disso, o espaço possui uma infra-estrutura para exposições, jardins, laboratório, lagoa marginal, lanchonete e loja.

Fonte: EPTV

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Pesquisar

Últimos posts

Arquivo de postagens

Siga o CRBio-04

Rolar para cima