sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

A partir deste ano, educação ambiental é obrigatória nas escolas do Paraná



A partir deste ano, o projeto pedagógico do ensino básico ao superior das escolas públicas e particulares do Paraná deverá incluir a educação ambiental nas disciplinas. A medida é determinada pelo Decreto 9958\2014, assinado pelo governador Beto Richa no dia 23 de janeiro, e faz parte da Política Estadual de Educação Ambiental e do Sistema Estadual de Educação Ambiental. Com a medida, o tema fará parte dos currículos da educação infantil, educação especial, profissional, educação de jovens e adultos e de comunidades tradicionais.

Conforme prevê a Lei Estadual de Educação Ambiental, os professores utilizarão como unidade de atuação a bacia hidrográfica em que a instituição escolar está inserida. "A ideia é que os estudantes se identifiquem com os rios e com a bacia hidrográfica onde eles vivem. Trabalhar a educação ambiental localmente é uma forma de despertar nos jovens o sentimento de pertencimento e, consequentemente, de cuidado com os rios e as áreas verdes existentes no seu bairro e na sua cidade", comentou o secretário estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Luiz Eduardo Cheida.

A lei prevê a criação de um órgão gestor para coordenar a Política Estadual e Educação Ambiental e o Sistema Estadual de Educação Ambiental no Paraná. Ele será formado por representantes das Secretarias Estaduais do Meio Ambiente, Educação, Saúde, Agricultura e Abastecimento, e Ciência, Tecnologia e Ensino Superior.

Foi instituída também a Comissão Interinstitucional de Educação Ambiental, que terá a finalidade de elaborar e promover as diretrizes para apoiar, acompanhar, apreciar e criar metodologias de avaliação da implantação da Política de Educação Ambiental. A comissão será coordenada por um integrante da Secretaria do Meio Ambiente e dois representantes de cada bacia hidrográfica do estado também farão parte do grupo, de forma que pelo menos um represente seja da sociedade civil.

De acordo com informações da Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, o Paraná tem 2.700 escolas na rede pública de ensino. Existem 2 mil escolas registradas na base do Sindicato das Escolas Particulares do Paraná (Sinep-PR), que abrange 211 municípios. A estimativa da Secretaria de Estado da Educação é de que, neste ano, 1 milhão de matrículas sejam registradas na educação básica e mais 200 mil na Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Para Cheida, a norma representa um avanço sem precedentes na formação das crianças e jovens e, principalmente, na preservação ambiental. "Só protege quem ama e só ama quem conhece. Por isso, para proteger é preciso conhecer e, neste sentido, a educação ambiental se torna a chave do desenvolvimento sustentável", disse o secretário.

Fonte: AMDA
Postar um comentário