segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

4º Congresso Brasileiro de Genética Forense



A melhoria dos serviços de ciência forense no século XXI e a coleta de amostras para identificação humana são alguns dos temas que serão discutidos no 4º Congresso Brasileiro de Genética Forense, que ocorre entre 7 e 10 de maio no Memorial da América Latina, em São Paulo.

O prazo para a inscrição para o evento com resumo termina no dia 28 de fevereiro.

O congresso é realizado pela Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo (EPM/Unifesp), pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FM-USP) e pelo Instituto de Criminalística de São Paulo, com apoio da Sociedade Brasileira de Genética (SBG) e da FAPESP.

A conferência de abertura “O estado da arte do DNA forense” será proferida pelo químico norte-americano John Butler, do National Institute of Standards and Technology (Nist), dos Estados Unidos, que participou do trabalho de identificação das vítimas do 11 de setembro de 2001 em Nova York e é um dos autores mais citados na área de medicina legal e ciência forense.

Mais informações:
Postar um comentário