terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Projeto de Monitoramento de Aves (3 vagas), Quelônios (3 vagas) e Mamíferos Marinhos (3 vagas)


Atividades principais
a) Desenvolver atividades relacionadas a monitoramentos regulares de praia para o registro e identificação de aves, quelônios e mamíferos marinhos e recolhimento de carcaças;
b) Recuperação e reabilitação de aves, quelônios e mamíferos marinhos;
c) Realização de necropsias e coleta de amostras biológicas;
d) Preenchimento de formulários e fichas de dados;
e) Manutenção das bases de pesquisa e equipamentos;
f) Atividade de desencalhe de mamíferos marinhos;
g) Atendimento e médico veterinário.

Desejável experiência em:
a) Identificação e conhecimento da biologia e ecologia de aves quelônios e mamíferos marinhos;
b) Reabilitação e necropsia de animais marinhos;
c) Desencalhe de mamíferos marinhos.

Perfil do candidato
Graduado com disciplina, organização, entusiasmo, disposição para trabalho de campo, capacidade de trabalhar em equipe, capacidade de interagir com pessoas das comunidades locais, iniciativa e profissionalismo disponibilidade para viagens ou residir nas bases de pesquisa.
Ter uma pós-graduação na área, inglês e CNH pode ser considerado um diferencial.

Duração e remuneração
Trabalho estimado para monitoramento de 2 anos podendo ser renovado por mais 2 anos.
Os currículos devem ser enviados com pretensão salarial.

Locais de atuação
Sul da Bahia e na região do Rio de janeiro.

Contato
Interessados enviar e-mail para biologos.bio@gmail.com até 23 de fevereiro de 2012 com  o assunto “Vaga Projeto de Monitoramento” anexando o currículo no formato Lattes  e vitae, carta de intenção (mencionando interesses profissionais, experiências e características pessoais relevantes para a vaga e expectativas) e pretensão salarial. Os Candidatos pré-selecionados serão convocados para entrevista.

Fonte: Biólogos.bio

Processo Seletivo UFTM (02 vagas para Professor)


Encontram-se abertas as inscrições para o processo seletivo da Universidade Federal do Triângulo Mineiro – UFTM, a qual tem como finalidade a contratação de Professores Auxiliares para a instituição.

O regime de trabalho dos contratados pela UFTM será de 40 horas semanais e a remuneração será de R$1.536,46.

As inscrições estão sendo recebidas no endereço eletrônico www.uftm.edu.br, até o dia 05 de fevereiro de 2012.

São 02 vagas em aberto para a área de:
DA ÁREA DE ENGENHARIA AMBIENTAL/ BIOLOGIA PARA ENGENHARIA AMBIENTAL/CIÊNCIAS DO AMBIENTE, DESENVOLVIMENTO E CIDADANIA/ECOLOGIA GERAL E APLICADA/MICROBIOLOGIA PARA ENGENHARIA AMBIENTAL/ECOSSISTEMAS AQUÁTICOS, TERRESTRES E INTERFACES E DICIPLINAS AFINS PARA OS DEMAIS CURSOS DE ENGENHARIA.

Mais informações:

Concurso Público UnB (01 vaga para Professor)


Está aberto o concurso público da Universidade de Brasília (UnB), para Professor Titular, no Departamento de Botânica, do Instituto de Ciências Biológicas. 

O Edital de Abertura N. 570/2011 define que o pagamento da taxa de inscrição deverá ser efetuado até o dia 9 de fevereiro de 2012 (quinta-feira). 

A área de conhecimento do concurso é  Fisiologia de Plantas Vasculares. É exigido doutorado do candidato e a remuneração é de R$7.333,67.

Mais informações:

Concurso Público Batatais – SP (Cadastro de Reserva para Biólogos)


Estão abertas as inscrições para o concurso público da Prefeitura de Batatais (SP), onde as admissões serão regidas pelo Regime Celetista (CLT).

O cargo Biologista é destinado a cadastro de reserva e possui vencimento mensal de R$3.135,86.

As inscrições serão recebidas exclusivamente pela internet, através do endereço eletrônico www.consesp.com.br, até o dia 05 de fevereiro de 2012.

Mais informações:

Processo Seletivo UFSCar – SP (02 vagas para Professor)


Abriram as inscrições para o processo seletivo da UFSCar, Universidade Federal de São Carlos, cujo objetivo é contratar professor para atuar por tempo determinado no Campus de São Carlos.

São 02 vagas para atuar na área de Ciências Biológicas (Taxonomia de Criptógamas, Fisiologia Vegetal; Microbiologia Básica e Microbiologia Geral), sendo que é exigido que os candidatos possuam licenciatura e mestrado na área de atuação. 

A remuneração dos contratados será da ordem de R$3.016,52, com jornadas se trabalho semanal fixada em 40 horas.

Os candidatos deverão se inscrever até o dia 03 de fevereiro de 2012.

Mais informações:
www.concursos.ufscar.br (Edital 15 e 16)

Processo Seletivo IF Goiano – Rio Verde (01 vaga para Professor)


Iniciaram as inscrições para o processo seletivo do Instituto Federal Goiano – IF Goiano, que irá contratar Professor temporário para a área de  Zoologia/Biologia Animal/Paleontologia.

O vencimento está girando em torno de R$2.130,33 a R$3.678,74, conforme a titulação do docente, em regime de trabalho fixado em 40 horas semanais.

As inscrição são recebidas exclusivamente pela internet no site rioverde.ifgoiano.edu.br, até 12 de fevereiro de 2012.

Mais informações:

AQUECIMENTO GLOBAL E MUDANÇAS CLIMÁTICAS. A CULPA É DE QUEM?



Nas últimas duas décadas, assistimos à calorosas discussões acerca das possíveis causas das mudanças climáticas que vem ocorrendo e suas consequências sobre a superfície da Terra. E indiferente da linha de segmento, todos concordam que temos vivido fenômenos climáticos e atmosféricos mais intensos e frequentes, sem registros há pelo menos 600 anos.

Das diferentes vertentes sobre o assunto, duas ganham força e adeptos: a primeira aponta que a atividade solar cíclica, gera períodos de aquecimentos mais intensos os quais parecem ser acompanhados de maior concentração de gás carbônico, fase esta que estaríamos vivenciando atualmente, agravada pelo aumento de calor irradiado pelas áreas degradadas.

Outra linha versa sobre outra causa, contradizendo a primeira, quando afirma que a comportamento energético do sol é relativamente estável e sugere que a excentricidade da órbita elíptica da Terra com inclinações no seu eixo, seria a causa do aumento da temperatura no planeta, gerando alternâncias entre eras glaciais e eras áridas.

O mar avança sobre o litoral, engolindo o que foi outrora construído pelas mãos humanas, áreas desérticas se multiplicam ou se estendem, os períodos de retorno de chuvas torrenciais com probabilidade de alagamento vai precisar ser revisto. Ora, em regiões onde se calculava um período de retorno de cem anos, pode-se esperar hoje o fenômeno a cada três anos.

Não há dúvidas que oplaneta passa por períodos cíclicos, a especulação é entorno das causas, mas ninguém pode negar que damos uma forcinha para acelerar os rigores climáticos.

Quando pensamos em aquecimento global, a imagem que vem a mente é a poluição provocada pelas grandes metrópoles e nos esquecemos que cada cidade por menor que seja, contribui particularmente e em conjunto para o aumento da temperatura, claro que umas em maior escala que outras, dependendo diretamente do nível de industrialização, das legislações aplicadas e da cultura instalada em cada região.

Se trouxermos a problemática para a esfera local, percebemos nitidamente nossa contribuição negativa ao depararmos com áreas degradas na zona rural e em praticamente todos os bairros de uma cidade, irradiando calor com mais intensidade. Nascentes de água impactadas, uma frota de veículos inchada, que mal é comportada nas vias públicas, chaminés poluidoras, sem qualquer controle atmosférico e queimadas - todos emissores de gases que aceleram as mudanças climáticas. Tem culpa o cidadão e tem culpa o poder público.

Muitas vezes aqueles que detêm o poder político e de decisão sobre o gerenciamento ambiental, nascem e crescem em ambientes urbanos extremamente artificiais ou perdem ao longo do tempo o vínculo com o ambiente natural e a percepção de que este continua a ser o alicerce dos ambientes artificiais os quais estamos expostos. Não há qualquer relação, por exemplo, da água abundante da torneira com a necessidade fundamental da proteção das nascentes.

Senão podemos deter a atividade cíclica do sol ou modificar o eixo de inclinação da terra, nos resta apenas atrasar as mudanças, adequando nossas atividades poluidoras, seja ela o consumismo, a modernização ou mesmo o desleixo e o descaso com os bens naturais. Somos todos contribuintes: terráqueos, brasileiros, americanos, europeus, cidadãos, políticos, empresários, mineiros, paulistas e então, somos todos  culpados.

Por Aline Moura - Bióloga/Especialista em Ciências Ambientais

segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

Processo Seletivo IF Sul de Minas – Inconfidente (01 vaga para Professor)


Estão abertas as inscrições para o  processo seletivo do Instituto Federal de Minas Gerais, que destina-se a contratação de Professor da área de Meio Ambiente em regime temporário.

O local de atuação é em São Gonçalo do Sapucaí (MG).

O vencimento varia entre R$2.130,33 e R$3.678,74 (conforme titulação).

As inscrições deverão ser feitas pelo site www.ifsuldeminas.edu.br, até o dia 08 de fevereiro de 2012.

Mais informações:

Biólogo diz que cachorros podem ter dom da 'telepatia'



Um cientista britânico desenvolveu a teoria polêmica de que a telepatia pode explicar a suposta conexão entre cachorros e seus donos.

O pesquisador Rupert Sheldrake, da Universidade de Cambridge, acredita que os cachorros têm uma conexão telepática com seus donos, embora a existência de telepatia seja descartada pela maioria dos cientistas.

Em uma de suas experiências, uma mulher é monitorada enquanto está fazendo compras, assim como seu cachorro, que permaneceu em casa.

Em um momento aleatório, o cientista pede à mulher que volte para casa. Onze segundos depois, em sua sala de estar, o cachorro se levanta e vai para a porta. Ele fica lá até a chegada de sua dona.

Sheldrake acredita que cachorros e seus donos estão conectados à distância, pelo que ele chama de campo amórfico, uma espécie de elástico invisível.

A maioria dos cientistas rejeitou as teorias do pesquisador, dizendo que o comportamento animal pode ser explicado por hábitos ou ansiedade.

Fonte: BBC Brasil

XXXVI Congresso da Sociedade de Zoológicos do Brasil



De 28 à 31 de março, irá acontecer em Belém (PA), o XXXVI Congresso da Sociedade de Zoológicos do Brasil.

O objetivo é discutir como os jardins zoológicos podem ser utilizados como ferramenta de defesa do meio ambiente, não somente junto a profissionais da área como também de outros setores e instituições da sociedade ligadas direta ou indiretamente à conservação de fauna.

O evento conta com conferências, palestras, mini-cursos e workshops.

Mais informações:

CURSO DE AQUICULTURA: PRODUÇÃO E GERENCIAMENTO



A Embaixada de Israel em colaboração com o Centro de Cooperação Internacional do Ministério das Relações Exteriores (MASHAV) está com inscrições abertas para o curso de Aquicultura: Produção e Gerenciamento. Os candidatos selecionados ganharão uma bolsa de estudos com pensão completa, assistência e seguro médico. Custos pessoais e com passagem aérea ficarão por conta do estudante. Todo o processo seletivo é realizado em Israel. A quantidade de vagas não foi divulgada.

Os interessados devem encaminhar e-mail para : dcm-sec@brasilia.mfa.gov.il

Fonte: Associação Brasileira de Oceanografia - AOCEANO

MicroRNA 2012 – International Symposium



A Universidade Estadual Paulista (Unesp) realizará, nos dias 25 a 27 de março de 2012, o MicroRNA 2012 – International Symposium.

Voltado para estudantes de graduação e pós-graduação, professores e pesquisadores na área de biologia molecular, a programação do evento será composta por palestras, que serão proferidas por pesquisadores do Brasil e do exterior.

“Novas tecnologias para o estudo de microRNAs”, “Alterações de microRNA em leucemia” e “O papel do microRNA em tumor colorretal” são alguns assuntos que serão abordados durante o simpósio.

O evento será realizado no hotel Golden Tulip Park Plaza, localizado na Alameda Lorena, nº 360, em São Paulo.

Mais informações e inscrições:

2012 é eleito Ano Internacional da Energia Sustentável para Todos



2012 será o Ano Internacional da Energia Sustentável para Todos. A iniciativa foi divulgada na Cúpula Energia Mundial do Futuro, em Abu Dhabi, Emirados Árabes Unidos. São basicamente três objetivos: garantir acesso universal a serviços de energia moderna, dobrar a taxa de implementação da eficiência energética e dobrar a proporção de energia renovável na matriz energética global.

Com o incentivo a fontes renováveis, a Cúpula espera alcançar suas metas até 2030. O evento solicitou apoio de governos, setor privado e sociedade civil, que devem aprovar leis que incentivem e contribuam para o desenvolvimento de energias renováveis.

"Não é nem justo, nem sustentável que uma em cada cinco pessoas ainda não tenha acesso à eletricidade moderna", disse o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, aos participantes da conferência. "Não é aceitável que três bilhões de pessoas ainda precisem de madeira, carvão, carvão vegetal ou dejetos de animais para cozimento e aquecimento", completou.

Para ele, uma das maneiras de combater a pobreza é garantindo o acesso à eletricidade. Porém, não será fácil atingir a meta de duplicar o peso das energias renováveis no consumo mundial de energia antes de 2030. Embora o desafio seja grande, os participantes da Cúpula acreditam ser possível alcançá-la.

De acordo com o comissário europeu de Desenvolvimento, Andris Piebalgs, a mudança deve custar 50 bilhões de euros, o que, para a diretora geral da União Internacional para a Conservação da Natureza, Julia Marton-Lefèvre, é pouco se comparado ao preço de importação de combustíveis fósseis.

O Brasil já vem dando passos importantes em relação ao uso de elementos naturais não poluidores para a geração de energia, como aproveitamento dos ventos e do Sol, principalmente na região Nordeste. Na Copa do Mundo em 2014, o país inaugurará o primeiro estádio movido à energia solar da América Latina em Pituaçu, na Bahia.

Fonte: AMDA

Segundo estudo, guinada ecológica e eficiência de recursos possibilitaria economia de US$2 trilhões




Uma guinada ecológica e mais eficiência de recursos nos setores de aço, ferro e carvão, poderão proporcionar economia de cerca de US$2 trilhões nas principais economias do mundo. Esta é a conclusão de um relatório do Fórum Mundial de Economia.

O fórum considera que o momento é especialmente adequado para as indústrias melhorarem a eficiência. No caso da energia, elas poupariam US$ 37 bilhões em 2030. O órgão calcula que, se o Brasil reciclasse todo seu lixo, economizaria o equivalente a 0,3% do Produto Interno Bruto (PIB).

Elaborado com o apoio da consultoria Accenture, o relatório alerta para a crescente exaustão dos recursos naturais, uma ameaça a longo prazo à estabilidade econômica. Segundo o estudo, a combinação de mudança climática e mais demanda nos países emergentes impulsionou os preços das commodities agrícolas – o cacau subiu 246% e o óleo de palma 230% na ultima década.

Outro resultado desse trablho é a estimativa de que, até 2030, a demanda global por água excederá a atual capacidade de abastecimento em mais de 40%, e quatro bilhões de pessoas viverão em áreas com “alto estresse” por causa da água.

O documento sugere pelo menos três tipos de ação. Primeiro, transformar a demanda: 50% dos consumidores pesquisados em mais de 40 países aceitam fazer o que for possível para proteger o ambiente. Segundo, mudar os valores nas companhias. Por fim, alterar as regras do jogo, de forma que seja possível retirar, por exemplo, subsídios que prejudicam a natureza.

Fonte: AMDA



Década da Biodiversidade visa maior preservação de espécies



A Organização das Nações Unidas (ONU) anunciou na semana passada, na cidade de Kanazawa, Japão, o início da Década da Biodiversidade  (2011-2020). Durante esses anos, a ONU quer implementar planos estratégicos de preservação da natureza e encorajar governos a desenvolver e comunicar resultados nacionais na implementação do Plano Estratégico para Biodiversidade.

“Garantir um verdadeiro desenvolvimento sustentável para o crescimento da família humana depende da diversidade biológica, dos bens vitais e dos serviços que ela nos oferece”, disse o Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, em mensagem lida pelo Subsecretário-Geral para Comunicação e Informação Pública das Nações Unidas, Kiyo Akasaka.

Em sua própria declaração no lançamento da Década, Akasaka salientou que ecossistemas estáveis ​​têm a capacidade de criar empregos. "Apoiando-os, sustentamos o aumento de emprego", disse ele. "Com o mundo passando por uma explosão de jovens, o uso sustentável da biodiversidade não é uma abordagem ‘ecológica’ isolada, mas um pilar indispensável do desenvolvimento sustentável para as gerações futuras", completou Akasaka.

O Subsecretário-Geral da ONU ressaltou ainda que a capacidade humana será testada nessa década. “Não podemos reverter a extinção. Podemos, no entanto, prevenir a extinção futura de outras espécies. Para os próximos dez anos nosso comprometimento será de proteger mais de oito milhões de espécies e nossa sabedoria em contribuir com o equilíbrio da vida será posta à prova”, concluiu.

Para mais informações, acesse o site da Convention on Biological Diversity: 

Um dos mais antigos dinos com pena seria da cor preta, diz estudo



Um novo estudo sugere que o arqueopterix, considerada uma das mais antigas "aves" (alguns se referem a ele como um dinossauro bípede dotado de penas) a viver sobre a Terra, era preto.

Publicada na edição do dia 24 de "Nature Communications', a pesquisa feita pelos cientistas da Universidade Brown, em Rhode Island (EUA), indicou que tanto pássaros da atualidade quanto o arqueopterix compartilham a mesma estrutura de pigmentos que dá cor aos bichos.

Para chegar a essa análise minuciosa, o pesquisador Ryan Carney e equipe utilizaram um scanner especial na Alemanha.

O aparelho mostrou que a pena do arqueopterix continha melanossomos (contêm melanina, uma proteína que determina a pigmentação de uma parte do corpo de um ser vivo) mais próximas de aves pretas do que das cores marrom ou cinza.

O grupo chegou a essa descoberta depois de compararem melanossomos de cerca de 87 espécies de pássaros modernos.

A investigação também indica que a pena fossilizada era rígida, o que poderia ajudar o dinossauro a voar.

"Eu realmente acredito que a pena do Archaeopteryx lithographica [nome científico do arqueopterix] era preta", diz o paleontólogo Lawrence Witmer.

Witmer, que é da Universidad Ohio e não participou do estudo atual, mas está envolvido em trabalhos com fósseis da espécie, acrescentou: "Mas é difícil de dizer como o resto do animal se parece."

A pena do arqueopterix foi descoberta em 1861, na Alemanha, poucos anos depois de o livro "A Origem das Espécies", de Charles Darwin, ser publicado. Acredita-se que o bicho ocupe uma posição intermediária entre dinossauros e aves antigos.

Fonte: Folha Online

quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Concurso Público UNIRIO (01 vaga para Professor)


A UNIRIO – Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, abriu concurso público com a finalidade de atender a necessidade de professor adjunto.

Veja os detalhes da vaga:

Departamento de Ecologia e Recursos Marinho
Área: Ciências Biológicas/Educação Ambiental/Ecologia
Exigência: Graduação em ciências biológicas, ecologia ou oceanografia, mestrado em ciências biológicas, ecologia ou oceanografia, doutorado em ciências biológicas, ecologia ou oceanografia.
Remuneração: R$7.333,67
Regime de Trabalho: Dedicação Exclusiva.

As inscrições estão sendo recebidas no Centro de Ciências Biológicas e da Saúde, situado na Rua Silva Ramos, 32 – Tijuca, das 9h às 16h de segunda à sexta-feira, no período de 20 de janeiro a 25 de fevereiro de 2012.

Mais informações:

Sex, Light, and Carotenes: The Development of Fungi



O workshop “Sex, Light, and Carotenes: The Development of Fungi” será realizado de 16 a 20 de abril na Universidade do Vale do Paraíba (Univap). O evento será conduzido pelo professor Luis Corrochano, da Universidade de Sevilha, na Espanha.

Segundo os organizadores, além da apresentação de novidades em pesquisas sobre fotobiologia dos fungos, a iniciativa tem como objetivo melhorar técnicas (proteômica, genômica e deleção de genes) para estudar o mecanismo celular que altera a tolerância ao estresse.

Pretende-se ainda iniciar uma colaboração entre pesquisadores brasileiros e espanhóis e despertar o interesse de alunos de graduação e pós-graduação pela área de fotobiologia dos fungos, ainda pouco pesquisada no país.

A inscrição é gratuita e pode ser feita pelo e-mail drauzio@live.com . O número de vagas é limitado aos 50 primeiros que se inscreverem.

O evento ocorrerá no Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento da Univap, Av. Shishima Hifumi nº 2911, Urbanova, São José dos Campos. 

1º Simpósio Brasileiro de Genômica e Esporte



Estão abertas as inscrições para o 1º Simpósio Brasileiro de Genômica e Esporte, que será realizado na Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) de 27 a 29 de junho.

O evento é um desdobramento do projeto Atletas do Futuro, que tem como objetivo gerar um banco de dados genômico e metabolômico de esportistas de elite brasileiros de diferentes modalidades.

As sessões serão divididas em temas de interesse geral e específico, como “Ética e esporte”, “Aplicação de novas técnicas genômica e proteômica em esporte”, “Testes genéticos e genômicos”, “Aplicação de modelos animais em esporte” e “Doping genético”.

Mais informações e inscrições: 

'Revista da Errologia' publicará pesquisas científicas que falharam



Hipóteses perdidas, experimentos que falharam e resultados que não foram encontrados em pesquisas científicas agora terão um lugar ao sol. Ou pelo menos um lugar para serem publicados.

Um novo periódico científico, batizado de "Journal of Errorology" ("Revista de Errologia"), surgiu para contar a história de trabalhos que não seguiram o rumo esperado.

O objetivo da publicação, de acordo com o editor, o biólogo brasileiro Eduardo Fox, da UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro), é discutir os furos de paradigma.

"Conhecer um experimento que falhou ou teve um resultado inesperado pode ser muito interessante para os cientistas", explicou Fox.

"É importante ter acesso às experiências que não funcionaram. Isso evita que outros cientistas cometam o mesmo erro", analisa o cienciometrista Rogério Meneghini. Ele é coordenador do Scielo, base que reúne 911 revistas científicas da América Latina.

SÓ SE ESTIVER CERTO

Hoje, a maioria dos periódicos científicos não publica informações de pesquisas que "falharam". O foco dos trabalhos são os resultados positivos.

Esse padrão dos artigos científicos é, inclusive, ensinado em cursos de técnica de escrita feitos por editoras de periódicos e empresas especializadas na área.

Algumas revistas até publicam resultados inesperados --mas desde que já tenham uma explicação lógica.

"Estamos interessados em publicar situações em que os pesquisadores chegaram e que ainda não têm explicação científica", afirma Fox.

A ideia é promover a discussão dos cientistas-leitores na própria revista.

"Essa situação inesperada aconteceu comigo. Tinha hipótese de que, ao silenciar um determinado gene [suprimir sua função], uma abelha operária pudesse se desenvolver numa abelha rainha", conta o biólogo da USP de Ribeirão Preto, Francis Nunes.

"Mas meus dados mostraram que não houve tal modificação. Em termos científicos, tais episódios não são considerados erros. São uma rejeição de uma hipótese."

O "Journal of Errorology" está aberto para receber trabalhos de cientistas de todo o mundo pelo site.

Mas, de acordo com o editor, o grupo responsável pela publicação --uma sociedade científica internacional chamada Souls (Society Of United Life Sciences)-- estuda alternativas para selecionar os textos recebidos.

Hoje, os periódicos científicos têm um comitê que analisa os trabalhos por meio de pares (conhecida como "peer-review"): são dois cientistas para cada artigo recebido.

"Sabemos que esse sistema é falho e que muitos cientistas só aprovam o que lhes interessa", diz Fox.

A ideia é que os cientistas que interagirem nas discussões on-line sobre os artigos atuem como uma espécie de "peer-review" externo.

Outra novidade do "Journal of Errorology" é que ele será totalmente eletrônico.

"As publicações eletrônicas concentram os cientistas mais jovens. Mas é um caminho sem volta para as revistas científicas", conclui Fox.

Fonte: Folha Online

Expedição no Suriname descobre 46 novas espécies



A Conservação Internacional anunciou nesta quarta-feira a descoberta de 46 novas espécies na floresta amazônica do Suriname. Elas ainda precisam ser confirmadas cientificamente.

A expedição a locais remotos perto do vilarejo Kwamalasamutu catalogou no total 1.300 seres vivos.

A diversidade abrangeu de plantas, peixes, répteis e anfíbios, pássaros, formigas, cigarras, libélulas, besouros e mamíferos.

O estudo coletivo envolveu 53 cientistas, membros do povo indígena Tiriyó e estudantes.

A pesquisa está publica no boletim "Bulletin of Biological Assessment", que pertence à própria Conservação Internacional.

Veja galeria de fotos, clicando aqui

Fonte: Folha Online

quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Mestrado Profissional em Saúde, Medicina Laboratorial e Tecnologia Forense



O Instituto de Biologia da Uerj abriu as inscrições para o curso de Mestrado Profissional em Saúde, Medicina Laboratorial e Tecnologia Forense.

O objetivo do curso é a formação de pessoal altamente qualificado para o setor produtivo, para as atividades de pesquisa científica e para o exercício do magistério superior. A carga horária é de 2 anos.

Os interessados deverão ser portadores de diploma de Graduação plena, outorgados por instituição oficial reconhecida, nas áreas das Ciências Biológicas, da Saúde e áreas afins.

As inscrições podem ser feitas até o dia 03 de fevereiro (sexta-feira), no Pavilhão: Policlínica Piquet carneiro, Av. Marechal Rondon, 381 – Térreo. Ou pelo site: www.cepuerj.uerj.br .

Obs: Resultados pelo site www.medlabtecforen.uerj.br .

Mais informações, envie um e-mail para cepuerj@uerj.br ou telefone (21) 2334-0639.

Mini-curso: Atualização em Perícia Sócioambiental e Elaboração de Laudos e Pareceres



Data
14/02/2012 (terça-feira)

Local
IMA - Instituto Mineiro de Agropecuária (Avenida dos Andradas, 1220, Centro. Belo Horizonte/MG)

Horário
8h às 12h e 13h às 17h

Ministrante
Gracilene Maria A.Muniz Braga - Perita Sócioambiental.

Mais informações
www.cbcn.org.br (31) 3892-4960

Especialização em Microbiologia



O Instituto de Ciências Biológicas da UFMG está, até o dia 07 de março, com as inscrições abertas para o curso de pós-graduação em Microbiologia. 

São 2 áreas de concentração: Microbiologia aplicada à Ciências da Saúde; Microbiologia Ambiental e Industrial.

São 20 vagas para cada área.

As inscrições poderão ser feitas pelo site www.fundep.ufmg.br .


Mais informações:

Cientistas encontram mais antigo 'berçário' de dinossauros



Uma escavação feita na África do Sul revelou um "berçário" de dinossauros com 190 milhões de anos. De acordo com os pesquisadores, o sítio recém-descoberto é cerca de 100 milhões de anos mais antigo do que seus equivalentes já conhecidos.

O local era usado como ninho por dinossauros massospondylus, herbívoros gigantes e de pescoço alongado que antecederam os saurópodes. A descoberta do berçário traz pistas significativas sobre a evolução do complexo comportamento reprodutivo dos dinossauros mais antigos.

Com base nas descobertas, que incluem fragmentos de ovos, muitos ainda com embriões, assim como pequenas pegadas de dinossauro, os cientistas, liderados por Robert Reisz, da Universidade de Toronto, afirmam ter as evidências mais antigas já registradas de que os filhotes permaneciam nesses ninhos tempo suficiente para pelo menos dobrar de tamanho.

Pelo menos dez ninhos foram encontrados em vários níveis nesse sítio, cada um com até 34 ovos.

A distribuição dos ninhos entre as camadas indica que os dinossauros mais antigos retornavam ao local repetidas vezes para colocar os ovos. Os animais também depositavam os ovos em grupo, criando espécies de "colônias" de ovos nos ninhos.

"Apesar de haver um extenso registro de fósseis de dinossauro, nós temos muito pouca informação desse tipo a respeito da biologia reprodutiva desses animais, especialmente dos primeiros dinossauros", disse David Evans, do Royal Museum, de Ontário, no Canadá.

Os autores do trabalho, publicado na revista científica "PNAS" afirmam que pode haver muitos outros ninhos nas proximidades.

Fonte: Folha Online

terça-feira, 24 de janeiro de 2012

ATOBio firma convênio com o Sistema de Ensino Anglo e ITEC



Com o objetivo de fornecer benefícios ao filiados da ATOBio – Associação Tocantinense de Biólogos, foi firmado um convênio com o Colégio Pentágono – Anglo Sistema de Ensino, que atua há mais de 60 anos com Educação em todo o Brasil. Também foi firmado um convênio com o ITEC – Instituto de Educação e Cidadania que oferta cursos de pós-graduação.

Todas as parcerias visam descontos para matrículas e mensalidades.

Mais informações:
www.atobio.com.br, atobio2010@hotmail.com ou (63) 8117-5184/9237-3181.

Curso de Especialização em Planejamento e Gerenciamento de Recursos Hídricos



O curso de Especialização em Planejamento e Gerenciamento de Recursos Hídricos (CEPG-RH) será realizada na cidade de Goiânia, a partir do dia 12 de março de 2012.

As aulas serão ministradas às segundas, terças e quartas-feiras, no período da noite.

O curso tem como objetivo capacitar profissionais da área de ciências ambientais para atuar no planejamento e gerenciamento de recursos hídricos dotando-os de formação técnica na área, desenvolvendo o espírito crítico e a capacidade investigativa.

As inscrições devem ser feitas até o dia 29 de fevereiro.

Mais informações:
(062) 3209-6276/8534-5764 ou http://www.eec.ufg.br/cepg-rh/

Pós em Ciências Forenses e Análises Clínicas e Toxicológicas



O IEPG, em parceria com as Faculdades Oswaldo Cruz, irá realizar duas pós-graduações: Ciências Forenses (início 03 de fevereiro) e Análises Clínicas e Toxicológicas (Início 10 de fevereiro).

As aulas serão realizadas em Goiânia (GO), um final de semana por mês (sexta, sábado e domingo).

Os cursos têm duração de 20 meses.

Mais informações:

Concurso Público Eldorado – SP (01 vaga para Biólogos)


O concurso público da Prefeitura de Eldorado (SP) irá contratar Analista de Educação, Projetos e Programas Ambientais.

Existe apenas 01 vaga disponível e o salário é de R$1.515,44.

As inscrições devem ser feitas até 14 de fevereiro, pelo site www.mouramelo.com.br .

Mais informações:

Concurso Público Vitorino Freire – MA (01 vaga para Biólogos)


Iniciaram as inscrições para o Concurso Público da Prefeitura de Vitorino Freire (MA), que está demandando pessoal em diversas áreas do seu quadro estatutário.

O salário para o cargo de Biólogo é de R$2.800,00. A jornada de trabalho é de 30 horas semanais.

Os interessados devem se inscrever através do endereço eletrônico www.igracaaranha.com.br, até o dia 24 de fevereiro de 2012.

Mais informações:

Concurso Público Santo Antônio da Patrulha – RS (01 vaga para Biólogos)


Saiu o  edital para concurso público da Prefeitura de Santo Antônio da Patrulha (RS), que selecionará profissionais para preenchimento de diversos cargos locais no Regime Estatutário.

As inscrições serão recebidas exclusivamente pela internet no endereço eletrônico www.objetivas.com.br, até o dia 06 de fevereiro de 2012.

O cargo Biólogo possui o vencimento de R$2.514,58.

Mais informações:

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Pós-graduação UNA



A UNA está com as inscrições abertas para seus cursos de pós-graduação.

As aulas serão realizadas em Belo Horizonte (MG) e têm previsão de começar em março.

Alguns cursos são de intressesa dos Biólogos: Pós-Graduação em Geoprocessamento, MBA em Consultoria e Licenciamento Ambiental, Pós-Graduação Direito Ambiental, Pós-Graduação em Biotecnologia, Pós-Graduação em Oncologia Clínica, Pós-Graduação em Biossegurança.

Para os profissionais que esteja em dia com o CRBio04 é garantido desconto de 27%.

Mais informações:

Pós-Graduação em Perícia Criminal



O Centro de Pós Graduação - CPG (www.cursoscpg.com.br) é uma empresa prestadora de serviços educacionais, especializada em identificar demandas por cursos de especialização em todo território nacional.

A empresa irá realizar, em parceria com a Universidade Castelo Branco do Rio de Janeiro, a pós-graduação em Perícia Criminal nas cidades de Uberlândia (início das aulas 10 de fevereiro), Belo Horizonte (início das aulas 16 de março) e Goiânia (início das aulas 13 de julho).

Os encontros serão mensais, somente um final de semana por mês, sempre na sexta-feira à noite, sábado o dia todo e domingo de manhã.

Mais informações:

Trabalho temporário em Petrolina - PE (20 vagas para Biólogos)



A Newtec Empreendimentos Técnicos Especializados, em atendimento ao contrato firmado com a Universidade do Vale do São Francisco - UNIVASF, realizará processo seletivo para contratação de 20 (vinte) profissionais especializados para atuar nas atividades de levantamento, monitoramento e resgate de fauna (avifauna, herpetofauna; mastofauna; ictiofauna e entomofauna). 

É necessário ter experiência comprovada em manejo e monitoramento de fauna silvestre em empreendimentos em processo de licenciamento.

O trabalho será temporário e no prazo máximo de 1 ano.

O salário é de R$4.800,00.

As atividades serâo executadas na região do semi-árido brasileiro e os profissionais contratados deverâo residir em Petrolina (PE).

Interessados deverão encaminhar carta de intenções com o currículo ou link de acesso a Plataforma Lattes para o seguinte endereço eletrônico: cemafauna.adm@univasf.edu.br, até o dia 28 de janeiro de 2011.

XXXV Congresso Paulista de Fitopatologia



O XXXV Congresso Paulista de Fitopatologia será realizado de 14 a 16 de fevereiro de 2012, no Auditório Paulo Choji Kitamura, na Embrapa Meio Ambiente, em Jaguariúna  (SP).

O evento, promovido pelo então Grupo Paulista de Fitopatologia, hoje Associação Paulista de Fitopatologia, ocorre anualmente desde 1974, sendo organizado pelas instituições de ensino e pesquisa do Estado de São Paulo. É um orgulho para a Embrapa Meio Ambiente organizar, pela primeira vez, o Congresso Paulista de Fitopatologia. 

O Congresso tem como objetivo reunir profissionais de ensino, pesquisa e extensão do setor público e privado, estudantes de graduação e pós-graduação, bem como, profissionais da indústria de insumos, de equipamentos, de agroquímicos, de softwares e de produtos para laboratórios, para apresentação dos avanços científicos e tecnológicos, difusão de conhecimentos, formação de grupos de trabalho e discussão sobre novos temas de pesquisa e inovação na área de doenças de plantas.

Mais informações:

TRÊS PERGUNTAS PARA...Bráulio Dias, biólogo e doutor em zoologia, novo secretário executivo da Convenção de Diversidade Biológica



1.O senhor acaba de ser nomeado o novo secretário executivo do Secretariado da Convenção sobre Diversidade Biológica da ONU (CDB). Como foi o processo seletivo?

A vaga foi aberta e concorreram 66 pessoas. Depois da primeira triagem, restaram nove nomes, que passaram por uma entrevista com uma banca. Sobraram quatro candidatos, que foram entrevistados por Ban Ki-moon. A minha entrevista com ele foi por videoconferência. Estamos muito contentes aqui no ministério, porque não é só o reconhecimento do meu trabalho, mas do amadurecimento do Brasil nas questões ambientais. Se olharmos nossa agenda ambiental na época da Rio-92 e agora, veremos o quanto evoluímos. Tanto que, na Rio+20, esperamos que o Brasil feche um novo conjunto de metas de biodiversidade para os próximos anos.

2. O que acha que pesou, em seu currículo, para sua escolha?

Eu tenho uma experiência bem balanceada. Fui treinado como cientista, tenho rigor científico no trato do tema biodiversidade. Sou professor universitário e tenho 20 anos de experiência como gestor público. Além disso, conheço a CDB a fundo, desde as primeiras COPs.

3. Quais são as prioridades na sua agenda como novo secretário da CDB?

Em primeiro lugar, a entrada em vigor do Protocolo de Nagoya, assinado em 2010. Em tempos de crise, é um grande desafio. Embora mais de 70 países tenham assinado cartas de compromisso com o protocolo, ele ainda tem de ser discutido e ratificado nos parlamentos de cerca de 50 signatários. Em segundo lugar, mobilizar recursos financeiros para a implementação do protocolo. Ao contrário do que acontece com o clima, na questão da diversidade biológica temos metas para os próximos dez anos, e um bom acordo sobre repartição de benefícios da biodiversidade. Em terceiro, dar mais centralidade ao debate sobre biodiversidade. O tema não pode continuar restrito à agenda ambiental. 

Fonte: O Estado de S.Paulo

Concurso Público Monte Mor – SP (01 vaga para Biólogos)


Está aberto o concurso público da Prefeitura de Monte Mor (SP), onde as contratações serão regidas pelo Regime Estatutário.

Para se candidatar os interessados deverão acessar www.consesp.com.br, no período de 23 de janeiro a 08 de fevereiro de 2012.

O cargo Biólogo possui vencimento de R$1.916,59.

Mais informações:

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

5° Sustentar - Fórum Internacional de Sustentabilidade



O 5° Fórum Internacional pelo Desenvolvimento Sustentável (Sustentar) acontecerá nos dias 27 e 28 de janeiro na capital mineira. O evento, que será realizado na Associação Comercial e Empresarial de Minas Gerais (ACMinas) e no Parque das Mangabeiras, promoverá encontros e debates sobre estratégias e soluções sustentáveis. Além disso, o principal objetivo do Sustentar será a elaboração de pautas para a Rio + 20, que acontecerá em junho de 2012, no Rio de Janeiro.

O Instituto Sustentar de Responsabilidade Socioambiental, responsável pelo evento Sustentar, não escolheu a capital mineira à toa. Pesquisas indicam que Minas Gerais é o estado mais desinformado sobre a Rio + 20. A vinda de conferencistas nacionais e internacionais para o fórum pretende chamar atenção dos mineiros para a Conferência da ONU e a importância de debates sobre a sustentabilidade. Atrações mais populares também estão na programação do evento, que conta com um show, além de encontros ecológicos e práticas de yoga abertos ao público. O Espaço Eco Infanto-Juvenil se encarrega de trazer a temática da sustentabilidade no cotidiano para a vida dos nossos futuros adultos.

A entrada é gratuita.

Mais informações:
www.sustentar.net

Livro e site resgatam a história da divulgação científica brasileira



A versão digital do livro Um gesto ameno para acordar o país – A ciência no Jornal do Commercio (1958-1962) já está disponível no site www.museudavida.fiocruz.br/ .

A obra de 74 páginas relembra a história da seção dominical de ciência do jornal carioca, criada em 1958. De sua equipe, participou o então estudante Leopoldo de Meis, hoje cientista da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

O livro foi organizado pelo próprio Meis, em parceria com as jornalistas Luisa Massarani e Claudia Jurberg. O time localizou a coleção quase completa do suplemento de ciência. O último exemplar encontrado foi de 12 de agosto de 1962.

Cinco textos integram a publicação. O primeiro, de Maurício Dinepi, diretor-presidente do Jornal do Commercio, traz um histórico do periódico. Em seguida, Meis conta detalhes da rotina de produção do suplemento em entrevista a Marina Verjovsky e Claudia Jurberg.

Bernardo Esteves enumera algumas das iniciativas de divulgação científica de que se tem notícia na imprensa brasileira entre a segunda metade da década de 1940 e o início dos anos 1960, com destaque para o suplemento dominical Ciência para Todos, publicado no jornal carioca A Manhã entre 1948 e 1953.

Ildeu de Castro Moreira e Luisa Massarani, por sua vez, analisam a página dominical do Jornal do Commercio à luz do contexto político da época. Marina Verjovsky, Tainá Rêgo e Claudia Jurberg dedicam-se a analisar todas as notícias de saúde publicadas pelo periódico nesse período.

No evento de lançamento do livro, realizado em novembro, também foi divulgado o site Brasiliana, que busca reconstruir a história da divulgação científica no Brasil e reunir as diversas iniciativas nesse campo desde o século 19 até os dias de hoje.

17º Curso de controle microbiano de insetos - Fungos entomopatogênicos



Estão abertas as inscrições para o “17º Curso de controle microbiano de insetos - Fungos entomopatogênicos”, que será promovido pelo Instituto Biológico entre os dias 10 e 12 de abril.

A iniciativa, voltada para engenheiros agrônomos, biólogos, técnicos agrícolas e estudantes, tem como objetivo transmitir noções teóricas de fungos entomopatogênicos e sua aplicação no controle biológico de pragas, além de noções práticas para a produção de bioinseticidas à base desses microrganismos.

São oferecidas 15 vagas. O pagamento da taxa de inscrição, cujo valor é de R$ 260,00, pode ser feito no próprio Laboratório de Controle Biológico, no Centro Experimental Central. O endereço é Rodovia Heitor Penteado, km 3, Campinas.

Informações pelo telefone (19) 3252 2942, ou pelo email: jemalmeida@biologico.sp.gov.br 

A programação completa pode ser conferida no site:

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Pós em Fitoterapia e Plantas Medicinais



O Centro Universitário Newton Paiva irá realizar em Belo Horizonte (MG), a pós-graduação em Fitoterapia e Plantas Medicinais.

O objetivo é capacitar profissionais para atuar nas políticas de saúde em Fitoterapia e práticas complementares de saúde, como definido pela SESMG, ANVISA, OMS e pelo MS, suprindo de imediato a carência de profissionais habilitados para tal. 

As aulas serão às sextas e sábados, no Campus Carlos Luz (Av. Presidente Carlos Luz, 220, 650 e 800 - Caiçara). 

A previsão é que o curso tenha início em abril de 2012.

Mais informações:

Concurso Público IF de Brasília (01 vaga para Professor)


O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Brasília – IFB realizará concurso público para o provimento de docentes.

O cargo Professor do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico - Biologia possui 01 vaga em aberto.

A remuneração varia conforme a titulação do candidato, entre R$2.130,33 e R$3.678,74.

As inscrições podemser feitas endereço eletrônico www.universa.org.br, até 30 de janeiro de 2012.

Mais informações:

Processo Seletivo Joinville – SC (01 vaga para Biólogo)


Está aberta a seleção para a Prefeitura de Joinville (SC), que tem o objetivo de selecionar profissionais temporários para a Fundação Cultural de Joinville, o Hospital Municipal São José e a Companhia de Desenvolvimento e Urbanização de Joinville.

As inscrições devem ser feitas até 14 de fevereiro de 2012, pelo site www.sociesc.org.br/concursos .

O cargo Biólogo possui a remuneração de R$2.953,55.

Mais informações:

Fósseis 'perdidos' recolhidos por Darwin estavam em armário



Tidos como desaparecidos, vários fósseis recolhidos pelo naturalista inglês Charles Darwin no século 19 foram encontrados em um armário da instituição científica British Geological Survey. A informação é da rede de televisão BBC.

Darwin pegou as amostras de fósseis durante sua histórica viagem com a embarcação Beagle, em 1834, época em que começou a desenvolver a Teoria da Evolução.

Os fósseis estavam ao lado de outras amostras que há mais de 160 anos tinham sido depositadas no mesmo armário. O móvel estava nos porões da instituição, localizada em Keyworth, no centro da Inglaterra.

O responsável pelo achado foi o paleontólogo Howard Falcon-Lang, da Universidade de Londres. Ele resolveu verificar o armário quando viu o rótulo de "plantas fósseis não registradas" em algumas gavetas.

"Dentro havia centenas de lâminas de vidro com amostras de fósseis de plantas, que eram polidas em folhas transparentes para serem examinadas sob o microscópio", explicou o cientista. "A primeira que peguei já estava etiquetada com o nome de Darwin", acrescentou.

Estes fósseis de Darwin "se perderam" porque um amigo do cientista, o botânico Joseph Hooker, que estava encarregado da classificação das espécies durante uma breve estadia no British Geological Survey em 1846, se esqueceu de incluí-las no registro da instituição.

As mostras redescobertas foram fotografadas e serão expostas ao público pela internet, indicou a BBC.

Fonte: EFE

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Cientistas estudam feições de macacos para entender sua evolução



Pesquisadores da UCLA (Universidade da Califórnia), em Los Angeles, analisaram 129 caras de macacos da América Central e do Sul em busca de pistas sobre a evolução das espécies.

Segundo o professor Michael Alfaro, a equipe quer entender por que os macacos desenvolveram aspectos tão diferentes com cores e tamanhos de pelos distintos.

Eles classificaram as feições em 14 grupos e estudaram os sistemas sociais de cada macaco para então estudar a evolução: quando cada gênero começou se diferenciar dos demais. O resultado da pesquisa surpreendeu os cientistas.

"Encontramos fortes evidências de que, quando uma espécie vive em grupos mais numerosos, as faces são mais simples", disse a pesquisadora Sharlene Santana.

"Acreditamos que isso está relacionado com a habilidade de comunicação mediante expressões faciais. Uma cara mais simples permite transmitir expressões de uma forma mais fácil e clara."

Os estudiosos descobriram ainda que, quando os macacos vivem em ambientes com outras espécies semelhantes, os rostos são mais complexos para permitir a identificação de cada um deles.

Alfaro diz que os humanos não possuem características tão diversas como foi verificado nos animais, mas os humanos são capazes de comunicar emoções através de uma grande diversidade de expressões faciais.

Detalhes sobre o estudo serão publicados na revista "Royal Society Journal, Proceedings B".

Fonte: BBC Brasil


Promoção
Biotecnal

Apresentação
A fase de implantação de um Sistema de Gestão Ambiental (SGA) é um dos processos mais importantes para o sucesso ambiental de um empreendimento ou atividade. Trata-se de um momento de implantação de uma nova filosofia e quebra de paradigmas, além de um grande conhecimento das formas de aplicabilidade das Normas da série ISO 14.000.

Data
26 de janeiro de 2012

Horário
9h às 18h

Local
Conselho Regional de Biologia do Rio de Janeiro (CRBio/2)
Rua Álvaro Alvin, 21 - 12º andar - Centro
Próximo ao Metrô Cinelândia

Público-alvo
Profissionais de nível médio, técnico e superior de ensino, concluído ou em curso, interessados em conhecer e se especializar nos conceitos de implantação de Sistemas de Gestão Ambiental.

Mais informações

PD em proteômica com Bolsa da FAPESP



O Projeto Temático “Biologia Molecular e Proteômica de fungos de interesse médico: Paracoccidioides brasiliensis e Sporothrix schenckii”, apoiado pela FAPESP, tem uma oportunidade de Bolsa de Pós-Doutorado.

O Temático é coordenado pelo professor Zoilo Pires de Camargo na Universidade Federal de São Paulo, disciplina de Biologia Celular, na capital paulista.

O projeto de pesquisa a ser desenvolvido pelo selecionado tem como principal objetivo a identificação de proteínas desses dois fungos por métodos de proteômica, além da análise da resposta imune humoral de pacientes acometidos pelas micoses por imunoproteômica.

Além disso, a análise filogenética desses fungos por sequenciamento do DNA para compreensão da epidemiologia molecular de cepas provenientes de diversas regiões geográficas do Brasil.

É indispensável que o candidato tenha boa experiência de trabalho com os agentes em questão. Os interessados devem enviar, até o dia 10 de fevereiro de 2012, carta de interesse, currículo atualizado e três cartas de recomendação para zpcamargo@unifesp.br .

Os dois primeiros candidatos selecionados deverão propor um projeto de pesquisa dentro do assunto proteômica e imunoproteômica de Paracoccidioides sp. ou Sporothrix sp. (Um deles será selecionado e enviado para a aprovação da FAPESP).

A vaga está aberta a brasileiros e estrangeiros. O selecionado receberá Bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP (no valor de R$ 5.333,40 mensais), Reserva Técnica e Auxílio Instalação. A Reserva Técnica de Bolsa de PD equivale a 15% do valor anual da bolsa e tem o objetivo de atender a despesas imprevistas e diretamente relacionadas à atividade de pesquisa.

O bolsista de PD, caso resida em domicílio diferente e precise se mudar para a cidade onde se localiza a instituição sede da pesquisa, poderá ter direito a um Auxílio Instalação. Mais informações sobre a Bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP estão disponíveis em www.fapesp.br/bolsas/pd .

Curso Bioética Aplicada às Pesquisas Envolvendo Seres Humanos



Estão abertas até o dia 07 de março as inscrições para a primeira turma do curso a distância sobre de Bioética Aplicada às Pesquisas Envolvendo Seres Humanos, desenvolvido pela Escola Nacional de Saúde Pública (Ensp/Fiocruz). São oferecidas mais 1,2 mil vagas. O início das aulas está previsto para a segunda quinzena de maio.

Além de oferecer informações sobre o funcionamento do sistema de pesquisa científica e sua regulamentação, o curso pretende contribuir para que os participantes desenvolvam habilidades e competências para analisar aspectos éticos dos estudos e, assim, tomar decisões.

A formação é voltada especificamente para membros dos Comitês de Ética em Pesquisa (CEPs) reconhecidos pelo Conep.

Para se candidatar é preciso ser formalmente indicado pelo CEP ao qual é vinculado e ter, pelo menos, mais um ano de mandato no conselho após a conclusão do curso.

Mais informações:

6º Encontro de Ciências da Vida



A Faculdade de Engenharia de Ilha Solteira, da Universidade Estadual Paulista (Unesp), realiza entre 28 de maio e 1º de junho o 6º Encontro de Ciências da Vida (ENCIVI).

As inscrições poderão ser feitas entre 1º de fevereiro e 1º de abril pelo site www.encivi.feis.unesp.br ou na própria universidade.

O evento, que este ano tem como tema Ciências Agrárias e Biológicas: Pilares do Desenvolvimento, reúne alunos e professores dos cursos de Agronomia, Ciências Biológicas e Zootecnia, além de produtores da região, profissionais das áreas de Ciências Agrárias e Biológicas e a comunidade em geral para expor e discutir temas de caráter científico e tecnológico.

Serão oferecidos diversos minicursos e palestras com o objetivo de divulgar novas tecnologias e os resultados de pesquisas científicas na área. O público esperado é de 700 pessoas. 

Cães entendem humanos como se fossem bebês, diz estudo




Muitas pessoas conversam com seus cachorros como se estivessem se dirigindo a seus filhos. Agora, um novo estudo relata que esses animais têm uma compreensão de uma criança de seis meses a um ano de idade, sendo capazes de compreender a comunicação humana e interpretar intenções de forma correta.

Pesquisadores da Hungria, que publicaram o estudo na revista "Current Biology", mostraram dois vídeos a um grupo de cães.

No primeiro, uma mulher diz "olá, cão", enquanto olha diretamente para a câmera. A mulher então se vira em direção a um contêiner, e o cão segue seu olhar.

No entanto, quando a mulher olha para baixo, e não para a câmera, e pronuncia a mesma frase, o cão não segue seu olhar subsequente.

Para os estudiosos, os cães captam a diferença sutil no comportamento da mulher nas duas situações, diz Adam Miklosi, biólogo comportamental da Universidade Eotvos Lorand de Budapeste, na Hungria, e um dos autores da pesquisa.

O estudo mostra que os cães são capazes de "ler" o comportamento humano, acredita o pesquisador, como os humanos em sua primeira infância.

"Os cães são funcionalmente similares a um bebê", compara Miklosi. "Não saibamos como a mente canina lida com o problema, mas deve ser provavelmente uma maneira diferente do bebê".

Os cães presumivelmente adquiriram esta habilidade após gerações de domesticação. "Estar numa família humana confere aos cães a habilidade de interagir de forma humana", diz Miklosi.

"Você realmente pode tratar seu cão como uma espécie de bebê, coisa que não faria com um bode ou outro animal doméstico", explica.

Fonte: NEW YORK TIMES

Cientistas descobrem hormônio que imita efeito de exercícios



Um novo estudo abre perspectiva de que os exercícios físicos possam ser trocados por uma pílula.

Em experimentos com camundongos, cientistas do Instituto do Câncer Dana-Farber, em Boston, descobriram que um tipo de um hormônio, produzido após a atividade física, era capaz de transformar o tecido adiposo.

Em sua presença, células de gordura branca --responsável por armazenar energia-- se convertem na chamada gordura marrom, que queima calorias para aquecer o corpo.

A nova molécula, batizada de irisina, também existe em humanos. Num teste, os cientistas injetaram pequenas doses da substância em roedores sedentários, obesos e com sintomas de pré-diabetes.

Após dez dias, os animais tiveram os níveis de glicose e insulina normalizados no sangue e até perderam peso. O experimento foi descrito na revista "Nature".

"Com a irisina, nós conseguimos traduzir uma pequena parte do efeito dos exercícios têm sobre o organismo", disse à Folha Pontus Boström, autor do trabalho. Ele alerta que a irisina não vai deixar ninguém mais forte. "Existe uma vasta gama de efeitos que jamais poderemos substituir por uma única intervenção metabólica."

FUTURO

Mesmo exibindo cautela em relação ao potencial terapêutico do novo hormônio, os pesquisadores se mostram otimistas com a perspectiva de usá-lo em humanos em um futuro próximo.

A molécula da irisina dos camundongos é quase idêntica à versão humana, o que significa que os mesmos benefícios observados nos roedores podem se mostrar em pessoas. "Esperamos ver efeitos colaterais muito pequenos", diz Boström.

Ele e seus colegas do Dana-Farber, um centro de pesquisa associado à Universidade Harvard, estão agora tentando criar uma maneira de administrar a irisina a humanos. No estudo com roedores, foi usado um vírus para distribuir o hormônio no organismo, algo difícil de fazer com segurança.

Para criar uma droga que possa ser usada em humanos, Boström e seus colegas estão tentando "colar" a irisina em moléculas de anticorpos, as proteínas de defesa do sistema imunológico, para só depois injetá-las no sangue.

"Temos de fazer isso para que a droga não entre em degradação na corrente sanguínea", diz o cientista.

Ainda não há perspectiva sobre quando os testes em humanos podem começar.

NÃO É PREGUIÇA

Para pesquisadores, mesmo que não seja adequado substituir exercícios por uma droga que tente emular seus efeitos, é possível encontrar uma brecha para aplicação.

"Há muitos pacientes por aí que precisam de exercício mas, por diferentes razões, não podem fazer", diz Boström.

"Um medicamento pode vir a ser uma opção para pessoas extremamente obesas, que têm dificuldade em se movimentar para fazer exercícios, ou para pessoas com alguns tipos de deficiência física", acrescenta.

GORDURA MARROM INTRIGA CIENTISTAS

Apesar de já estarem estudando a possibilidade de aplicação do conhecimento sobre a chamada gordura marrom, cientistas ainda tentam entender por que esse tipo de tecido é estimulado pelo exercício no corpo humano.

A gordura marrom, que queima energia em vez de armazenar, existe primariamente em bebês, que precisam de proteção contra o frio. Como essa classe de célula adiposa libera energia ao ser estimulada, gera calor e aquece a criança.

Do ponto de vista da teoria da evolução, porém, não faz sentido que um organismo que já esteja gerando calor por meio de atividade física também estimule a queima de mais energia por um mecanismo metabólico secundário.

A hipótese que cientistas levantaram para explicar isso é que, nos bebês que sentem frio, o fator que estimula a a conversão de gordura branca em marrom é o tremor.

Como os músculos que se movimentam para vibrar a pele são essencialmente os mesmos que mexemos para fazer exercício, também produzimos gordura marrom como efeito colateral da atividade física.

"É difícil tentar abordar essas questões evolutivas em experimentos, mas estamos testando o efeito do tremor usando camundongos", diz o biólogo Pontus Boström. "Não temos certeza ainda se essa hipótese está correta."

Fonte: Folha Online