segunda-feira, 7 de maio de 2012

População de espécies marinhas no Ártico aumenta, afirma estudo



A população de mamíferos e peixes aumentou no Ártico, mas a de pássaros diminuiu, diz um informe científico apresentado na última segunda-feira (23), numa conferência científica em Montreal, (Canadá), como parte do Ano Polar Internacional 2012.

O documento, preparado para o Conselho do Ártico por especialistas do programa de vigilância da biodiversidade circumpolar é o resultado de um estudo sobre a evolução de 890 populações de 323 espécies de vertebrados na região Ártica entre 1970 e 2007.

A redução da população de pássários pode estar ligada às mudanças no clima, na banquisa e nos alimentos disponíveis, mas suas causas podem variar entre uma espécie e outra.

Esse declínio pode ser o início de um processo de longo prazo, que deverá ser acompanhado, destacou o informe. E contrasta com o aumento espetacular da quantidade de peixes observado no oceano Pacífico, quando no Atlântico acontece o contrário, uma baixa.

Já a população de mamíferos, aumenta em toda a região, segundo o estudo. Mas algumas espécies, como a baleia cinzenta, a boreal e a morsa da Groenlândia, não voltaram a alcançar seus níveis históricos.

As populações de vertebrados marinhos tendem a aumentar nos Oceanos Ártico e Pacífico, e a diminuir no Atlântico Norte.

A conferência do Ano Polar 2012 reúne mais de 2.000 especialistas em Montreal de 22 a 27 de abril.

Fonte: Uol
Postar um comentário