sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

Curso "Botânica no Cotidiano" voltado para professores



O Instituto de Biociências da USP promove, entre os meses de abril e junho, o curso de extensão "A Botânica no Cotidiano II". O curso é voltado para professores de Ciências e/ou Biologia e tem por objetivo amenizar a dificuldade do ensino de Botânica, reforçando conceitos básicos por meio de discussões, desenvolvimento de atividades e apresentação de diferentes estratégias didáticas.

O período de inscrições vai de 15/02 a 18/03. Há uma taxa de inscrição de R$100,00. O curso ocorrerá de 04/04 a 27/06, às segundas-feiras, de 18h30 às 21h. Serão promovidas, ainda, duas aulas de campo, nos dias 14/05 e 25/06 (sábados).

O curso tem a coordenação das professoras Dra. Fungyi Chow e Dra. Déborah Yara A.C. dos Santos.

Programa resumido
- Sistemática filogenética
- Caracterização de algas verdes, vermelhas e pardas
- Reconhecimento dos grandes grupos de plantas terrestres
- Morfologia externa e anatomia de Angiospermas
- Morfologia floral
- Alternância de gerações em plantas
- Fotossíntese
-Usos e aplicações das plantas pelo homem.

Ficha de inscrição: http://tinyurl.com/botanica2016

Mais informações: ccex@ib.usp.br

Curso gratuito de Educação Ambiental em BH


foto: SMMA/PBH

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SMMA) de Belo Horizonte realiza inscrições, nos dias 16 e 17 de fevereiro, para o XXXII BH Itinerante: Curso de Extensão em Educação Ambiental. A capacitação tem por objetivo formar agentes que atuem na promoção de ações socioambientais.

O curso será realizado de 09 de março a 06 de julho, às quartas-feiras, de 8h às 12h. O conteúdo teórico e prático, com aulas de campo, engloba Agenda 21, aspectos naturais, ambiente urbano, redes socioambientais e políticas públicas, sempre tendo BH como espaço de ensino e aprendizagem.

São 36 vagas, abertas a qualquer pessoa com mais de 16 anos, mas com prioridade para quem já tiver participado de outras atividades promovidas pela Gerência de Educação Ambiental da Secretaria (é necessário apresentar os certificados para comprovação).

As inscrições serão feitas pessoalmente, na Sala Verde da SMMA, na avenida Afonso Pena, 4000 - 6º andar | Bairro Cruzeiro.

Mais informações: (31) 3277-5199 ou geeda@pbh.gov.br.



quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

Vagas para professor em Colégio da UFJF



O Colégio de Aplicação João XXIII, unidade acadêmica da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), está com inscrições abertas para concurso para o provimento de duas vagas de professor no Departamento de Ciências Naturais: uma para a área de Biologia e outra para Ciências Ensino Fundamental.

Ambas as vagas exigem licenciatura plena em Ciências Biológicas. O vencimento básico é de R$4.014,00 para jornadas de 40h semanais. Há, também, gratificação por titulação:

Especialização: R$616,83
Mestrado: R$1.931,98
Doutorado: R$4.625,50

A seleção se dará por provas Escrita, de Didática, Títulos e de Projeto Acadêmico. As inscrições vão até o dia 18 de fevereiro.

O edital está disponível aqui: http://goo.gl/yXDf9e.

terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

OMS declara Zika vírus uma Emergência de Saúde Pública Internacional



Em coletiva de imprensa realizada nesta segunda-feira, dia 1º, a Diretora-Geral da Organização Mundial de Saúde (OMS), Dr. Margaret Chan, declarou que o Zika vírus é Emergência de Saúde Pública de Relevância Internacional.

Desde 2007, quando as novas Regulamentações Internacionais de Saúde entraram em vigor, somente em três vezes esse status foi declarado (ebola, H1N1 e pólio).

Nas Américas do Sul e Central, 24 países já reportaram casos de Zika vírus. A preocupação da OMS é que, se medidas preventivas rápidas de combate ao mosquito não forem adotadas, a doença se propague mundialmente.

Confira a íntegra do comunicado divulgado pela Dr. Margaret Chan:

Eu convoquei um Comitê de Emergência, de acordo com as Regulamentações Internacionais de Saúde, para reunir informações sobre a gravidade de ameaça à saúde associada à propagação do Zika vírus na América Latina e Caribe. O Comitê reuniu-se hoje por teleconferência.

Ao avaliar o nível de ameaça, 18 especialistas e conselheiros se concentraram, em particular, na forte associação entre a infecção pelo Zika vírus e o aumento dos casos de má-formação congênita e complicações neurológicas.

Os especialistas concordam que a relação causal entre a infeccção pelo Zika durante a gravidez e a microcefalia é muito provável, apesar de ainda não cientificamente comprovada. Todos são unânimes ao determinar a urgência em coordenar esforços internacionais para investigar e entender melhor essa relação. 

Os especialistas também analisaram os padrões recentes de propagação e distribuição geográfica do mosquito transmissor do vírus. 

A ausência de vacinas e de testes de diagnóstico rápidos e confiáveis, além da falta de imunidade em populações de países recentemente afetados também foram citados como razões de preocupação. 

Após uma análise das evidências, o Comitê afirmou que os recentes casos de microcefalia e outros distúrbios neurológicos ocorridos no Brasil, em sequência a casos similares registrados na Polinésia Francesa em 2014, constituem um "acontecimento extraordinário" e uma ameaça à saúde pública para outras partes do mundo. 

Na visão deles, é necessária uma ação coordenada internacional para minimizar a ameaça nos países afetados e reduzir os riscos de uma disseminação mundial. 

Membros do Comitê concordaram que a situação se encaixa nos parâmetros de uma Emergência de Saúde Pública de Relevância Internacional.

Eu aceitei o conselho.

Estou agora declarando que os recentes casos de microcefalia e outros distúrbios neurológicos ocorridos no Brasil, em sequência a casos similares registrados na Polinésia Francesa em 2014, constituem uma Emergência de Saúde Pública de Relevância Internacional.

Um esforço conjunto é necessário para ampliar o monitoramento, o diagnóstico de contaminações, má-formações congênitas e complicações neurológicas, para intensificar o controle da população de mosquitos e para acelerar o desenvolvimento de testes e vacinas para proteger as pessoas, especialmente durante a gravidez.

O Comitê não encontrou nenhuma justificativa para restrições a viagens ou transações comerciais para previnir a propagação do Zika vírus.

No momento, as medidas protetivas mais importantes são o controle do vetor e a prevenção para grupos de risco, especialmente grávidas.

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

Mestrado em Biotecnologia na UFT



A Universidade Federal do Tocantins (UFT), campus Gurupi, abre inscrições, no dia 15 de fevereiro, para seu Mestrado Acadêmico em Biotecnologia. As linhas de pesquisa contemplam Biotecnologia Agroalimentar, Biotecnologia Agroindustrial, Biotecnologia Molecular e Biotecnologia Vegetal. O curso oferece 20 vagas.

As inscrições devem ser realizadas, preferencialmente, pessoalmente (pelo candidato ou por representante munido de procuração), na Secretaria do Mestrado em Biotecnologia. Também serão aceitas inscrições por e-mail (ppgbiotec@uft.edu.br), entretanto, no dia de realização da Entrevista/Apresentação do Projeto o candidato deverá apresentar os originais dos documentos.

A seleção se dará em três etapas:
1) Avaliação da pontuação do histórico escolar e currículo Lattes, caráter classificatório (peso 2,5);
2) Arguição do projeto de pesquisa e entrevista com o candidato, caráter eliminatório (peso 5,0);
3) Proficiência na Língua Inglesa, caráter classificatório (peso 2,5).

As inscrições vão até o dia 26 de fevereiro. As entrevistas ocorrem nos dias 02 e 03 de março e o resultado final sai no dia 09/03. O início das aulas está previsto para a última semana de março.

Acesse o edital: http://goo.gl/jFxTD5.

quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Ministério divulga Manual para diagnóstico de hepatites virais



A Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS) do Ministério da Saúde editou em dezembro a Portaria nº 25/2015, que aprova o Manual Técnico para o Diagnóstico das Hepatites Virais em Adultos e Crianças.

Disponível no site do Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais, a publicação foi concluída após a consulta pública SVS/MS nº1, de 13 de janeiro de 2015, e apresenta os fluxogramas recomendados aos serviços de saúde públicos e privados no Brasil. Além de oito fluxogramas, o manual estabelece estratégias para a execução de exames laboratoriais com o objetivo de diagnosticar a infecção pelos vírus das hepatites A, B, C, D e E.

Os fluxogramas de diagnóstico foram desenhados pensando na implementação em diferentes cenários de trabalho tais como laboratório, hospital, centro de testagem e acolhimento e em ambiente externo a um serviço de saúde como, por exemplo, os trabalhos de triagem realizados em campanhas nas ruas.

Para orientar as decisões e o diagnóstico, a Portaria nº 25 aponta a necessidade de uma avaliação conjunta da história clínica e do risco de exposição do indivíduo à infecção, concomitantemente ao resultado dos testes iniciais. A medida considera ainda que podem ocorrer resultados falso-negativos, falso-positivos, indeterminados ou discrepantes, já que não existem testes laboratoriais 100% infalíveis no diagnóstico.

Conforme determina a Portaria nº 25, as amostras podem ser de soro, plasma, sangue total ou de outros fluidos que tenham eficácia diagnóstica cientificamente comprovada. Todas as amostras devem ser coletadas e testadas conforme recomendação do fabricante do conjunto diagnóstico a ser utilizado.

O Manual será revisto semestralmente e atualizado por um comitê composto por especialistas.

Consulte o documento aqui: http://goo.gl/tgtifY.

Informações via CFBio

Conheça secretário, o exímio caçador de serpentes



A Sagittarius serpentarius é uma ave de rapina encontrada nas pradarias da África sub-saariana, conhecida popularmente pelos nomes de secretário ou serpentário. Além de sua beleza e de uma peculiar crista de penas pretas na parte de trás da cabeça, o secretário tem como principal característica ser um exímio caçador. Ele mata suas presas com um golpe preciso de sua garra: o movimento é executado em um centésimo de segundo e com uma força equivalente a cinco vezes seu próprio peso. Essas informações foram divulgadas em uma pesquisa publicada no periódico Current Biology.

A alimentação do secretário consiste de pequenos mamíferos, insetos, crustáceos, lagartos e ovos, mas ele tem uma predileção por cobras. Segundo pesquisadores, provavelmente foi essa dieta que levou a espécie a evoluir e aprimorar seu ataque, afinal, quando se está caçando uma serpente venenosa não há espaço para erro.

Para um ser humano conseguir uma equivalência com o golpe do secretário, precisaria imprimir uma força de 4120 Newtons na perna, o que inevitavelmente o faria quebrá-la. A natureza é mesmo incrível!

Veja o vídeo de um ataque em câmera lenta feito pela equipe de pesquisa:


Com informações da IFL Science

terça-feira, 26 de janeiro de 2016

Três vagas para professor na UFG



A Universidade Federal de Goiás (UFG) inicia, no dia 1º de fevereiro, o período de inscrições para concurso público para o provimento de cargos de professor. O edital tem três vagas em áreas de atuação dos biólogos:

Área: Melhoramento de Plantas
Requisitos: Graduação Ciências Biológicas, Agronomia, Engenharia Florestal ou Engenharia de Alimentos e Doutorado na área de Genética e Melhoramento de Plantas
Salário: R$ 8.639,50
Lotação: Goiânia - Campus II Samambaia

Área: Farmacologia
Requisito: Doutorado em Farmacologia
Salário: R$ 8.639,50
Lotação: Goiânia - Campus II Samambaia

Área: Anatomia Humana e Comparada
Requisitos: Graduação em Ciências Biológicas, Biomedicina, Farmácia ou Medicina com Mestrado em Ciências Biológicas ou áreas afins
Salário: R$ 5.945,98
Lotação: Campus Jataí

Todas as vagas são em regime de Dedicação Exclusiva. As inscrições vão até o dia 15 de fevereiro. Para acessar o edital completo, clique aqui: http://goo.gl/rZkUH2.

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Carnaval de BH tem bloco formado por biólogos



Biólogo também cai no samba? É claro que sim! Criado em 2013 por alunos e ex-alunos do curso de Ciências Biológicas da UFMG, o Bloco Bom Bloquiu é uma das atrações do Carnaval de rua de Belo Horizonte deste ano.

O bloco desfila no dia 08 de fevereiro, segunda-feira de Carnaval. A concentração está marcada para 10h, na Praça da Bandeira. Ao meio-dia a turma desce a Afonso Pena em direção à Savassi (o ponto de dispersão é a esquina da Avenida Getúlio Vargas com Rua Rio Grande do Norte).

Fica aí o convite dos organizadores do bloco: "Tragam seus instrumentos, instrumentos de sucata, fantasias, gliters, purpurinas e amor, e se joguem no Bom Bloquiu!"

Quem quiser saber mais, o Bom Bloquiu tem uma página no Facebook, que pode ser acessada aqui: https://goo.gl/DiLqb9

quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

Oceanos terão mais plástico que peixes em 2050


Crédito: Bo Eide

O aumento da utilização de plásticos em todo o mundo tem sido tão significativo que, em 2050, os oceanos terão mais detritos desse material do que peixes (considerando o peso), segundo estudo divulgado no Fórum Econômico Mundial, que está sendo realizado esta semana em Davos, na Suíça.

O sistema atual de produção, utilização e descarte de plásticos tem efeitos negativos significativos: entre US$ 80 bilhões e US$ 120 bilhões em embalagens plásticas são perdidos anualmente. Nesse ritmo, os oceanos terão mais plásticos do que peixes até 2050.

Segundo o relatório, a proporção entre as toneladas de plástico e as toneladas de peixe registradas nos oceanos era de 1 para 5 em 2014. Em 2025, será de 1 para 3 e em 2050 irá evoluir de 1 para 1.

O estudo faz parte do Projeto MainStream, uma parceria da Fundação Ellen MacArthur e do Fórum Econômico Mundial. A pesquisa completa (em inglês), pode ser consultada aqui: http://goo.gl/HP2etN.

Duas vagas em concurso da Unifesp


A Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) está com inscrições abertas, até dia 05/02, para concurso público para seu quadro de pessoal. Há duas vagas para a área de Biologia:

Cargo: Biólogo
Requisitos: Graduação em Ciências Biológicas, pós-graduação em Biologia Molecular e registro no Conselho Regional de Biologia

Cargo: Sanitarista
Requisitos: Graduação nas áreas de Ciências da Saúde ou Ciências Biológicas; Residência em Saúde Pública, Saúde Coletiva ou Saúde da Família, ou Medicina Preventiva ou Especialização nas áreas de Saúde Pública ou Saúde Coletiva ou Gestão do Cuidado; registro no Conselho Regional.

Ambas as vagas são para a capital paulista. A carga horária é de 40 horas semanais e o vencimento básico é de R$ 3.666,54, além dos benefícios: vale refeição, vale transporte, gratificação por qualificação e insalubridade (de acordo com o ambiente de trabalho).

A prova objetiva está agendada para o dia 03 de abril. O edital ainda prevê prova de títulos, de caráter classificatório.

O edital está disponível aqui: http://goo.gl/x06GIx.

Abertas as inscrições para Doutorado na UEG



A Universidade Estadual de Goiás (UEG) publicou o edital de seleção para sua primeira turma de  Doutorado em Recursos Naturais do Cerrado (Renac), que será ofertado no campus Henrique Santillo, em Anápolis. São oferecidas oito vagas, divididas entre duas linhas de pesquisa: Processos e produtos do cerrado e Impactos nos recursos naturais.

As inscrições vão até o dia 12 de fevereiro e podem ser feitas presencialmente ou via Sedex. O custo é de R$60,00. As aulas terão início em março.

Acesse o edital: http://goo.gl/2JOKCZ.

Curso Princípios e Prática de Pesquisa Clínica ofertado pela UnB e Harvard



A Universidade de Brasília (UnB) promove a terceira edição do curso Princípios e Prática de Pesquisa Clínica, em parceria com a Universidade de Harvard, nos Estados Unidos. A participação é aberta a profissionais das áreas médica e de saúde ou que tenham interesse na área.

A capacitação é oferecida em inglês diretamente pela Escola de Saúde Pública de Harvard, que emitirá os certificados de conclusão. As aulas ocorrem por videoconferência, todas as quintas-feiras, de fevereiro a outubro, exceto em julho, das 19h às 22h, na sala de videoconferência da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), localizada no campus Darcy Ribeiro da UnB, na Asa Norte.

Os interessados em participar devem encaminhar e-mail com a maior brevidade possível para rivadavioamorim@hotmail.com, com as informações relacionadas abaixo:

Nome completo:
Instituição:
Domínio da língua inglesa: (  ) excelente   (  ) bom   (  ) razoável  (  ) ruim
Formação acadêmica:
Possui conhecimentos básicos de pesquisa clínica,  epidemiologia e/ou  metodologia?

Fonte: Secom UnB

Curso gratuito em Energias Renováveis oferecido pela ONU



A Organização das Nações Unidas para o Desenvolvimento Industrial (ONUDI) está com inscrições abertas para seu programa de capacitação técnica sobre Energias Renováveis. O curso é aberto, online, gratuito e fornece certificado digital para os participantes aprovados.

Os módulos podem ser feitos em português, inglês e espanhol e abordam os seguintes temas:

Energia e Mudanças Climáticas;
Energia Mini-Eólica;
O Biogás;
Energia Mini-Hidrelétrica;
Energia Solar Térmica;
Energia Solar Fotovoltaica;
Eficiência Energética em Edifícios.

Quem não tiver interesse em participar da capacitação completa pode cursar módulos isolados.

Para mais informações e inscrições, clique aqui: http://goo.gl/ZZoJyq.

segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

Reações não enzimáticas podem ter sido pontapé para propagação da vida


Uma reação química de bilhões de anos ainda acontece em nossas células, mostra estudo sobre processos bioquímicos em sedimentos do período arqueano, era mais antiga de formação geológica do planeta Terra. A pesquisa da Universidade de Cambridge, no Reino Unido, foi divulgada no dia 15 de janeiro na revista Science Advances.

Acredita-se que esse metabolismo específico foi um dos eventos mais importantes para a propagação da vida na Terra. São dois processos metabólicos: o ciclo das pentoses fosfato e a glicólise, usados pelas células para converter açúcar em energia. Parece uma coisa muito específica, mas essas reações acontecem em todos os seres vivos do planeta, com diferenças dependendo da espécie.

Ao estudar as reações químicas presentes nos sedimentos arqueanos, Markus Ralser e seus colegas encontraram alguns aspectos dessas reações que ainda estão presentes nas células modernas. Pouco se sabe como elas nasceram no processo evolutivo. "Quando falamos que a origem pode não ser enzimática, significa que as reações feitas atualmente pelas enzimas ocorriam em uma base química diferente e depois vieram as enzimas. Isso ajuda a explicar a vantagem que elas deram na evolução Darwiniana", diz Ralser.

Estudo foi liderado pelo pesquisador Markus Ralser

Segundo ele, a origem não enzimática está ligada às reações com metais, que compunham a Terra naquele período. "Acreditamos que os metais possibilitaram essas reações há 4 bilhões de anos, quando os primeiros seres vivos surgiram. Todas as células vivas ainda usam metais para fazer reações enzimáticas. Cerca de metade de nossas enzimas precisam de metais", diz.

Os cientistas usaram espectrometria de massa e métodos de ressonância magnética nuclear para mostrar que a rede primordial do metabolismo e o metabolismo moderno têm a habilidade de ligar e desligar caminhos bioquímicos e, assim, reagir a mudanças no ambiente, como alterações de níveis de ph e a presença de ferro.

A dependência de ferro e do ph para reações da molécula de açúcar dão uma pista de que a rede metabólica primordial pode ter evoluído de origens que não eram enzimáticas. Além disso, os mesmos processos químicos encontrados em sedimentos catalisadores são utilizados por enzimas modernas para a ligação do substrato - a ligação, por exemplo, da molécula de açúcar à enzima ou ao metal,  o que permite que uma reação química comece.

O artigo completo (em inglês) está disponível aqui: http://goo.gl/0m9ifI

Fonte: Uol

Curso de Geoprocessamento com ArcGis e Qgis na ASSEAGRI

A Associação dos Engenheiros Agrimensores no Estado de Minas Gerais (ASSEAGRI MINAS) promove, nos dias 29 e 30 de janeiro, mais uma edição de seu Curso Teórico e Prático de Geoprocessamento com ArcGis (versão 10) e Qgis (utilização em conjunto com o Cadastro Ambiental Rural).

As turmas são reduzidas (apenas dez vagas) e com somente um aluno por computador. As aulas serão ministradas em local na região central de Belo Horizonte, das 9h às 17h.

A inscrição custa R$350,00 e inclui material didático e certificado de participação. Interessados podem entrar em contato pelo site http://www.asseagrimg.com.br/, pelo telefone (31)  3421-2565 ou pelo e-mail asseagri@gmail.com.

quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

Biólogos do DF agora contam com Sindicato



Os biólogos do Distrito Federal agora contam com mais um órgão para atuar em defesa de seus direitos: foi fundado em meados de dezembro o Sindicato dos Biólogos do Distrito Federal (Sindbio-DF).

O presidente eleito da nova entidade é o biólogo Gildemar Crispim. Na cerimônia de posse, ele ressaltou que a criação do sindicato marca a saída de uma zona de conforto e o primeiro passo rumo ao desafio de mobilização da categoria.

"Mesclamos um grupo heterogêneo, com habilidades e conhecimento de diferentes áreas da Biologia. Primamos por aqueles que sentiram no coração o desejo de mudar o panorama atual da profissão. Agora vamos praticar nosso senso de dever com a atual e futuras gerações de biólogos brasilienses", afirmou Gildemar.

A diretoria do sindicato ainda conta com a bióloga Laiane Santos, conselheira suplente do CRBio-04. A composição completa ficou desta forma:

Gildemar Crispim - Presidente
Gabriel Horta - Vice-Presidente
Cristiane Citdin - Secretária Geral
Helamã Rezende - Tesoureiro
Laiane Santos, Leonardo Macedo e Gabriela Costa - Conselho Fiscal

Quem quiser entrar em contato com o Sindbio-DF, seja para se filiar ou buscar mais informações, pode enviar um e-mail para cadastro@sindbiodf.org. A entidade também já conta com uma página no Facebook: https://goo.gl/yathjY.


Com informações do site da UGT-DF

Cinco vagas em concurso público da Universidade Federal de Lavras



A Universidade Federal de Lavras (UFLA) está com inscrições abertas para concurso público para o provimento de cargos de professor da instituição.

São cinco vagas em áreas de conhecimento da Biologia:

Área: Diagnósticos Complementares/Análises Clínicas
Requisito: Doutorado em Análises Clínicas ou áreas afins

Área: Agentes Agressores e Mecanismos de Defesa do corpo humano / Parasitologia e Biologia Molecular
Requisito: Doutorado em Parasitologia, Biologia Molecular ou áreas afins

Área: Agentes Agressores e Mecanismos de Defesa do corpo humano / Patologia Humana
Requisito: Doutorado em Patologia ou áreas afins

Área: Ciências Biológicas – Prática e Metodologia do Ensino de Ciências e Biologia
Requisito: Licenciatura em Ciências Biológicas e Doutorado em Educação em Ciências, Ciências Biológicas, Botânica, Ecologia, Zoologia ou áreas afins

Área: Ecologia - Subárea: Biologia da Conservação
Requisito: Doutorado em Ecologia ou áreas afins

Todas as vagas são para o cargo de Professor Adjunto A, com dedicação exclusiva. O salário é de R$8.639,50, acrescido de auxílio-alimentação e auxílio-transporte.

O processo de seleção se dará por (I) prova escrita, eliminatória; (II) prova didática, eliminatória; e (III) prova de títulos, classificatória.

As inscrições serão realizadas somente via internet, até às 18h do dia 11/02. O edital pode ser consultado aqui: http://goo.gl/OAdTE8.

Curso gratuito de Modelagem e Simulação em Processos Ambientais em BH

O Instituto de Educação Tecnológica (IETEC) vai promover, na próxima terça-feira, dia 19 de janeiro, o curso Modelagem e Simulação em Processos Ambientais. O evento é gratuito e será realizado de 18h30 às 21h30 na sede do IETEC em Belo Horizonte (r. Tomé de Souza, 1065 - Savassi).

O curso será ministrado pelo diretor geral do Instituto, Mauri Fortes, pós-doutor em Engenharia de Produção Agro industrial. Serão abordados os seguintes tópicos:

- Desenvolvimento prático da técnica de simulação dinâmica de sistemas
- Aplicação da técnica à análise de efeitos de crescimento populacional e produção de CO2 sobre o aumento da temperatura global
- Desenvolvimento de um simulador do comportamento dinâmico de sistemas
- Usos atuais de gestão dinâmica de processos a problemas ambientais

As inscrições podem ser feitas aqui: http://goo.gl/18C2qZ.

quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Bióloga publica livro sobre expansão canavieira em Goiás



Em tempos em que se discute matriz energética e sustentabilidade, a cana-de-açúcar vem ganhando destaque. A bióloga Íria Oliveira Franco de Abreu trouxe sua contribuição ao debate com a publicação do livro Análise Espacial da Expansão Canavieira no Sudoeste de Goiás. A obra foi publicada pela Editora Appris e é resultado da pesquisa de mestrado na área Análise Ambiental que a bióloga defendeu na Universidade Federal de Goiás, regional Jataí.

O livro aborda as seguintes áreas temáticas: morfologia, fenologia, variedades e exigências para o cultivo; produção de cana-de-açúcar no Brasil, em Goiás e na microrregião sudoeste; uso do modelo DSSAT/Canegro para produção preditiva de cana-de-açúcar; características das usinas sucroalcooleiras pesquisadas no sudoeste de Goiás e os fatores atrativos de instalação.

Quem se interessar, a obra pode ser adquirida em diversas livrarias e sites de compra online e no próprio site da editora:

Appris
Travessa
Americanas
Cultura

Se você é biólogo registrado e também quer divulgar seu trabalho ou pesquisa, entre em contato com o CRBio-04 pelo e-mail comunicacao@crbio04.gov.br.