sexta-feira, 31 de julho de 2015

Observatório MERCOSUL lança estudo sobre recursos humanos em Saúde





Observatório MERCOSUL de Sistemas de Saúde (OMSS) disponibilizou a mais recente pesquisa sobre a oferta e necessidades de recursos humanos em saúde nos cinco Estados-Membros: Argentina, Brasil, Paraguai, Uruguai e Venezuela.

O estudo foi realizado no âmbito do Projeto "Observatório MERCOSUL de Sistemas de Saúde sobre Recursos Humanos em Saúde". Os autores dos relatórios foram selecionados pelos Ministérios de Saúde de cada país e a informação contida neles é composta em sua totalidade de fontes oficiais.

No Brasil, o relatório foi escrito pela Dra. Celia Regina Pierantoni, professora associada do IMS/UERJ, e pela enfermeira Carinne Magnago, mestre em Saúde Coletiva e doutoranda em Saúde Coletiva no IMS/UERJ. Já a edição do material foi realizada pela Dra. Delia M. Sánchez, do OMSS.

O objetivo geral do relatório é conhecer a oferta e a necessidade de Recursos Humanos em Saúde, atual e esperada para os próximos 10 anos.

BIÓLOGO E DEMAIS PROFISSIONAIS DA SAÚDE

O relatório realizado no Brasil ressalta que atualmente são consideradas 14 as profissões da saúde no País, conforme dados do Conselho Nacional da Saúde. São elas: Biologia, Biomedicina, Educação Física, Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Medicina, Medicina Veterinária, Nutrição, Odontologia, Psicologia, Serviço Social e Terapia Ocupacional.

Antes de aprofundar sobre o quadro de demanda e oferta de médicos no Brasil, o estudo se debruça sobre a situação das demais profissões que possuem atuação na saúde, como é o caso das Ciências Biológicas, apresentando a distribuição de cursos, vagas, ingressos e concluintes por graduações no Brasil.

Segundo a pesquisa, "no que compete à distribuição de cursos por graduação, os dados apontam que, em 2000, o curso de Ciências Biológicas detinha o maior percentual de participação (16,6%) em relação ao total de cursos da área da saúde, e Biomedicina, o menor (0,4%)".

"Já em 2012, o cenário mostrou-se diferente: a Educação Física se tornou a graduação com maior concentração percentual da oferta de cursos da saúde - 17,3%, seguida de Ciências Biológicas (16,1%) e Enfermagem (14,0%). Terapia Ocupacional, por sua vez, além de diminuir sua participação, que caiu de 1,9% para 0,2%, passou a concentrar a menor oferta, à exceção da Saúde Coletiva", conclui o documento.

Já em relação à distribuição segundo natureza jurídica, o estudo demonstra que o setor privado domina em todos os cursos, tanto no número de cursos e de vagas quanto no de ingressos e concluintes. A exceção está no curso de Ciências Biológicas, onde há predomínio do setor público em número de cursos e ingressos, e na Saúde Coletiva, que também possui predominância do setor público para todas as variáveis.

O estudo revela ainda que a maior discrepância é observada na Enfermagem, em que menos de 10% das vagas são ofertadas pelo setor público, e 86,5% dos concluintes são provenientes do setor privado.

Confira, aqui, na íntegra o relatório "Oferta e Necessidades de Recursos Humanos em Saúde - República Federativa do Brasil".
Para acessar os relatórios produzidos nos demais países e o compilado do MERCOSUL, acesse: http://www.observasalud.mercosur.int/es/publicaciones-omss

Saiba mais sobre áreas de atuação do Biólogo aqui => http://www.cfbio.gov.br/area-de-atuacao


FONTE: CFBio

quarta-feira, 29 de julho de 2015

Curso Perícia Ambiental




segunda-feira, 27 de julho de 2015

Eleições SINDIBIO 2015





O Sindicato dos Biólogos de Minas Gerais publicou seu edital dia 25 de julho de 2015 referente ao processo de pleito eleitoral 2015-1018.  Confira:

Edital de Convocação Resumo
Edital de Convocação

sexta-feira, 17 de julho de 2015

CFBio regulamenta atuação do Biólogo em Gestão Ambiental



Com o objetivo de regulamentar a atuação do Biólogo na Gestão Ambiental de atividades e de empreendimentos públicos e privados, o Conselho Federal de Biologia (CFBio) publicou no dia 12 de junho a Resolução nº 374/2015.

A resolução reitera que o Biólogo é o profissional técnica e legalmente habilitado para atuar na área da Gestão Ambiental, incluindo na elaboração, gerenciamento, planejamento, execução, desenvolvimento, análise, auditoria ambiental e em outras atividades relativas à elaboração de projetos e estudos relacionados.

A resolução estabelece as seguintes atividades profissionais na Gestão Ambiental, que poderão ser exercidas no todo ou em parte pelo Biólogo:
  • * Assistência, assessoria, consultoria, aconselhamento, recomendação;
  • * Direção, gerenciamento, fiscalização, planejamento, desenvolvimento e execução de projetos ambientais;
  • * Ensino e treinamento, condução de equipe, especificação, orçamentação, levantamento, inventário;
  • * Exame, análise e diagnóstico laboratorial, vistoria, avaliação, arbitramento, laudo, parecer técnico, relatório técnico, auditoria;
  • * Formulação, coleta de dados, estudo, planejamento, projeto, pesquisa, análise, ensaio, serviço técnico;
  • * Gestão, supervisão, monitoramento, coordenação, orientação, responsabilidade técnica;
  • * Manejo, conservação, erradicação, guarda, catalogação;
  • * Produção técnica, produção especializada, multiplicação, padronização, mensuração, controle qualitativo e quantitativo.
São áreas de atuação do Biólogo na Gestão Ambiental:
  • * Análises de Ciclo de Vida;
  • * Auditoria Ambiental;
  • * Avaliação de Impactos Ambientais e Estudos Ambientais;
  • * Avaliação de Conformidade Legal;
  • * Avaliação de Risco Socioambiental;
  • * Capacitação e Ensino na Área de Meio Ambiente e Biodiversidade;
  • * Certificação Ambiental;
  • * Diagnóstico, Controle, Monitoramento Ambiental e Biomonitoramento;
  • * Ecodesign;
  • * Eco-eficiência;
  • * Economia e Contabilidade Ambiental;
  • * Ecoturismo;
  • * Educação Ambiental;
  • * Elaboração de Políticas Ambientais;
  • * Elaboração de Projetos e Desenvolvimento Sustentável;
  • * Fiscalização, Monitoramento e Licenciamento Ambiental;
  • * Geoprocessamento;
  • * Gerenciamento Costeiro, de Recursos Hídricos e Bacias Hidrográficas;
  • * Gerenciamento de Risco;
  • * Gerenciamento Ambiental de Obras;
  • * Gerenciamento/Restauração/Recuperação/Remediação de Áreas Degradadas e Contaminadas;
  • * Gerenciamento e Implantação de Sistema de Gestão Ambiental (SGA);
  • * Gestão Ambiental Empresarial;
  • * Gestão, Controle e Monitoramento em Ecotoxicologia;
  • * Gestão da Qualidade Ambiental;
  • * Gestão e Tratamento de Efluentes e Resíduos Sólidos;
  • * Inventário, Manejo e Gestão de Ecossistemas Terrestres e Aquáticos;
  • * Inventário, Manejo, Conservação e Produção de Espécies da Flora, Fauna e Microbiota;
  • * Marketing Ambiental;
  • * Mecanismos de Desenvolvimento Limpo (MDL);
  • * Modelagem do Sistema Ambiental;
  • * Mudanças Climáticas;
  • * Planejamento, Criação e Gestão de Unidades de Conservação (UCs)/Áreas Protegidas e Elaboração de Plano de Manejo;
  • * Responsabilidade Socioambiental;
  • * Saneamento Ambiental;
  • * Sustentabilidade;
  • * Zoneamento Territorial e Socioambiental.
Considerando o desenvolvimento da Ciência e Tecnologia e a evolução do mercado de trabalho, outras áreas de atuação do Biólogo na Gestão Ambiental poderão ser incorporadas por deliberação do Plenário do CFBio.

=> Confira todas as atividades profissionais e as áreas de atuação do Biólogo, estabelecidas por meio da Resolução nº 227/2010

FONTE: CFBio

terça-feira, 14 de julho de 2015

CONCEA abre consulta sobre cães e gatos em pesquisa científica



O Conselho Nacional de Controle de Experimentação Animal (CONCEA) abriu Consulta Pública, por meio do edital nº 03/2015, para o capítulo "Caninos e felinos domésticos mantidos em instalações de instituições de ensino ou pesquisa científica", que comporá o Guia Brasileiro de Produção, Manutenção ou Utilização de Animais em Atividades de Ensino ou Pesquisa Científica.

As pessoas ou instituições interessadas em participar desta Consulta Pública deverão apresentar suas sugestões até o dia 5 de setembro, por meio de formulário específico (em anexo).

Os formulários deverão ser encaminhadas ao endereço eletrônico consultapubl.concea@mcti.gov.br.

Confira, em anexo, o capítulo "Caninos e felinos domésticos mantidos em instalações de instituições de ensino ou pesquisa científica" e o formulário para contribuições.


Caninos e felinos domésticos mantidos em instalações de instituições de ensino ou pesquisa científica

Capítulo do Guia Brasileiro de Produção, Manutenção ou Utilização de Animais em Atividades de Ensino ou Pesquisa Científica
Formulário para Contribuições

Texto do CONCEA sobre caninos e felinos


FONTE: CFBio

Curso - Gestão Ambiental com Foco em Resultados




sexta-feira, 10 de julho de 2015

Eleições 2015 CRBio-04








O Conselho Regional de Biologia - 4ª Região (DF, GO, MG e TO) convoca os Biólogos registrados neste Conselho à eleição para preenchimento de 20 vagas de Conselheiros, sendo 10 efetivos e 10 suplentes, para o mandato de 2015 a 2019.

O Processo Eleitoral será desenvolvido entre os dias 10 de julho a 14 de outubro de 2015.

As chapas deverão ser inscritas a partir de 10 horas do dia 20/07/2015 até às 17 horas do dia 17/08/2015, exclusivamente em dias úteis, na sede do CRBio-04 (Av. Amazonas, 298 - 15º andar, Centro, CEP 30180-001, Belo Horizonte - MG).

O período para votação eletrônica será das 10 horas do dia 23/09/2015 com encerramento às 17 horas do dia 30/09/2015, horário de Brasília.

A instrução eleitoral que regulamenta o processo para eleição e posse dos Conselheiros do Conselho Regional de Biologia - 4ª Região, para o mandato de 06 de novembro de 2015 a 06 de novembro de 2019, poderá ser encontrada na sede do CFBio, do CRBio-04 e em suas Delegacias (GO e TO).

A instrução eleitoral também poderá ser acessada através do link:

A instrução eleitoral também poderá ser acessada através do link: https://goo.gl/KuT3E4

Resolução nº 377/2015: https://goo.gl/x2nCYt

terça-feira, 7 de julho de 2015

TÉCNICAS DE RASTREAMENTO DE MAMÍFEROS SILVESTRES



Entre 13 e 17 de agosto/2015, acontecerá o 1o Curso Teórico-Prático em Campo para Identificação e Monitoramento de Mamíferos Silvestres por Pegadas.
 
O curso será realizado no PARNA Serra do Cipó, pelo professor Júlio Dalponte, doutor em Biologia Animal (UnB), membro da Pró-Carnívoros e do grupo de especialista em canídeos da IUCN e autor do livro "Rastros de Mamíferos Silvestres Brasileiros - Um guia de campo". OS participantes ficarão no alojamento do ICMBio, dentro do PARNA Cipó e terão contato com todo procedimento para execução da metodologia adequada e análise de dados.
 
Maiores informações pelo emails karlaleal@bichodomato.net.br ou no telefone 3312-4374.
 
 
 

quarta-feira, 1 de julho de 2015

Curso de Geoprocessamento com ARCGIS



segunda-feira, 22 de junho de 2015

Curso Perícia Judicial Ambiental em Brasília/DF





Profissionais registrados no CRBio04 recebem 10% de desconto no curso!

Acontecerá em Brasília, no mês de Agosto, o curso Perícia Judicial Ambiental. O curso é destinado a profissionais com curso superior que atuam ou pretendam atuar como perito judicial ou assistente técnico na área de meio ambiente, proporcionando aos participantes o conhecimento da prática, da burocracia e dos elementos básicos da perícia judicial ambiental.

O curso é indicado para profissionais do meio ambiente, principalmente para engenheiros, arquitetos, biólogos e químicos.


Com duração de 20 horas, o curso Perícia Judicial Ambiental será ministrado de 03 a 07 de Agosto de 2015, das 19h00 às 23h00, no CREA-DF, em SGAS Qd. 901 Conj. D Asa Sul.

Incluso no curso:
- Material Didático (Apostila Módulo I, Apostila Módulo II e CD-ROM)
- Certificado de Capacitação
- Suporte Técnico grátis por 06 meses
- Cadastro no site Nacional de Peritos

Conteúdo:
Módulo I – Ministrante Eng. Rui Juliano: Tópicos como: Quem pode ser perito judicial, Como vir a ser perito judicial, Laudo – prova no processo, Nomeação, Adiantamento e  honorários totais, Proposta de honorários, Perícias judiciais e extrajudiciais, Mercado e acesso pouco conhecido de perito e assistente técnico, Tipos de foros e varas  em que o perito pode trabalhar, Exigências, Facilidades do encargo e O perito que está iniciando, além de relatos de casos que ajudam a ilustrar as  atividades do perito e do assistente técnico.
Módulo II - Ministrante Dr. Georges Kaskantzis: Tópicos como Ecologia e Recursos Naturais, Direito Ambiental, Avaliação do Impacto Ambiental - EIA/RIMA,  Introdução à economia ambiental e Mercado de trabalho extrajudicial.
Informações e Inscrições:
0800 600 3622 – (53) 3231 3622

Realize uma pré-inscrição sem compromisso no nosso site: http://goo.gl/09FIzy

quinta-feira, 18 de junho de 2015

Vaga de Emprego MINASPARAG



CARGO: Gestor Executivo da MINASPARAG – Associação Mineira das Empresas Controladoras de Pragas
FORMAÇÃO: Administração, Gestão Estratégica ou Marketin, ou Biólogo, Médico Veterinário, Químico, Farmacêutico, Engenheiro Agrônomo, com especialização em Gestão de Negócios ou Marketing.
REQUISITOS: Carteira de Habilitação B
                            Disponibilidade para Viagens
                            Flexibilidade de Horário
                            Não ter sido funcionário ou prestado serviços às empresas associadas à MINASPARAG nos últimos 24 meses
HABILIDADES DESEJÁVEIS: Rotinas Bancárias, Relatórios Financeiros, Elaboração de documentos administrativos (Ofícios/Memorandos), Boa comunicação com Associados e Fornecedores, Atualização de Site/Redes Sociais, Organização de Eventos, Registro de Atas, Assessorar a Diretoria.
HORÁRIO De TRABALHO: Manhã ou Tarde, 20 horas semanais em regime de Jornada não controlada
LOCAL DE TRABALHO: 4 dias/semana – Home Office
                                             1 dia/semana – Reunião com o Presidente/Diretoria em Belo Horizonte, sendo o local variável.
BENEFÍCIOS: Ajuda de Custo para deslocamentos
EXPERIÊNCIA: 1 ano em setores Administrativos/Financeiros, ou comunicação.
INÍCIO: julho/2015

Os interessados devem enviar currículos para flavio.quadra@asseio.com.br
O processo seletivo será realizado em 2 etapas.
1.       Entrevista do Presidente com todos os candidatos interessados

2.       Entrevista da Diretoria com os 3 candidatos pré-selecionados pelo Presidente.

terça-feira, 16 de junho de 2015

Seminário - Participação Popular no Processo de Avaliação de Impacto e Regularização Ambiental



No dia 22 de junho de 2015, acontece em Belo Horizonte o "Seminário - Participação Popular no Processo de Avaliação de Impacto e Regularização Ambiental". O evento será realizado no Auditório da Escola Superior Dom Helder Câmara ( Rua Álvares Maciel, 628 - Santa Efigênia) e conta também com a participação do CRBio-04 em sua programação. Como encerramento do Seminário, será feito o lançamento do livro “Licenciamento Ambiental: Herói, Vilão ou Vítima.”

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo link: http://goo.gl/R8S2jw